Mulher é presa depois de agredir supervisora e diretora de escola

A suspeita queria tirar um aluno da sala de aula e foi impedida pelas funcionária; a mulher não explicou porque iria tirar a criança da sala

iG Minas Gerais | Natália Oliveira |

Uma mulher de 35 anos foi presa nesta sexta-feira (8) depois de invadir uma escola em Araguari, no Triângulo Mineiro. De acordo com a Polícia Militar, uma testemunha contou que a mulher chegou a escola muito agressiva e dizendo que queria retirar um aluno da sala de aula. Ela não explicou para a professora o motivo da retirada.

Segundo os militares, como a mulher não tinha nenhum grau de parentesco com a criança, que é do 4º ano, a supervisora da escola impediu que ela tirasse o aluno. Porém, ainda de acordo com a polícia, a mulher agrediu a supervisora e posteriormente a diretora da escola.

Os funcionários da escola disseram que a filha da suspeita é da mesma sala da criança que ela tentou tirar da escola. Ainda segundo as testemunhas os dois alunos já tinham tido alguns atritos na escola. Aos policiais, a agressora não quis explicar porque quis tirar as crianças, ela ainda tentou agredir os policiais. A Polícia Civil irá investigar o crime.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave