No Rio, Coritiba pode encarar Fluminense sem atacantes

No último treino, o técnico Celso Roth colocou o meio Alex como o jogador mais avançado e cinco atletas no meio de campo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Associated Press
undefined

O técnico Celso Roth pode colocar o Coritiba em campo neste sábado diante do Fluminense, às 21 horas, no estádio do Maracanã no Rio, pela 14.ª rodada do Campeonato Brasileiro, sem um atacante fixo. O técnico utilizou na maior parte de seu último treinamento o meia Alex como jogador mais avançado e cinco atletas no meio de campo. Caso se confirme a expectativa, o time deverá contar com apenas o meia Robinho, que retorna de lesão, como opção de criação, além de Dudu, que deverá ter liberdade para avançar.

Sem vencer no Maracanã desde 2009, exatamente contra o rival tricolor, o time estará desfalcado do atacante Zé Eduardo, que será substituído por Robinho, e do zagueiro Luccas Claro, que terá Leandro Almeida em sua vaga. Na ala direita, Celso Roth deve optar por Reginaldo ou Norberto. Caso o segundo jogue pela lateral, o atacante Keirrison pode ganhar uma chance, mas essa possibilidade é remota.

Para o meia Robinho, o técnico deve manter Alex mais à frente. "O Alex é um bom finalizador e talvez por isso, com as opções táticas em outros setores, o técnico tenha feito essa opção. Mas independentemente disso, seja com dois ou três jogadores à frente, o Fluminense é um adversário muito difícil", comentou.

Leia tudo sobre: Coritibasem atacanteFluminense