Eike vende carro que era parte de decoração

De acordo com o proprietário da revendedora de automóveis da capital goiana, a compra foi feita por intermédio de um amigo em comum com Eike Batista

iG Minas Gerais |


Lamborghini   nova é avaliada no mercado por cerca de R$ 3 milhões
FABIO RODRIGUES-POZZEBOM/ABR
Lamborghini nova é avaliada no mercado por cerca de R$ 3 milhões

SÃO PAULO. O empresário Eike Batista já vendeu empresas, leiloou móveis, utensílios domésticos de um escritório que teve que ser fechado, entre outros vários bens. Agora, foi a vez de um objeto que ficou muito famoso porque fazia parte da decoração da mansão no Rio de Janeiro do ex-bilionário. Ele é, com certeza, um objeto de desejo de quem é apaixonado por automóveis.

A Lamborghini Aventador, ano 2012, foi negociada com uma loja de carros esportivos de Goiânia, em Goiás. A informação foi divulgada pelo portal G1.

De acordo com o proprietário da revendedora de automóveis da capital goiana, a compra foi feita por intermédio de um amigo em comum com Eike Batista.

O valor da aquisição não foi revelado, mas um modelo zero quilômetro Aventador vale hoje no mercado cerca de R$ 3 milhões. Embora tenha dois anos, a ex- Lamborghini do empresário Eike Batista tem apenas 2 mil km rodados.

Segundo o portal, a assessoria do Grupo EBX, de Eike Batista, foi procurada mas não respondeu às solicitações para confirmar sobre a venda do carro importado.

DERROCADA. Em 2012, o empresário, dono do grupo EBX, era o homem mais rico do Brasil e o oitavo no mundo, com um patrimônio estimado em US$ 34,5 bilhões.

Em 2013, no entanto, teve início a queda do empresário. A derrocada começou quando a OGX, petroleira do grupo de Eike, anunciou que alguns de seus poços eram inviáveis. Em poucos meses, a crise chegou ao restante do império e, em outubro do mesmo ano, a fortuna de Eike já era estimada em US$ 73,7 milhões,

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave