Em sua 15ª edição, operação "Divisas Seguras" termina com 40 presos

A ação, de caráter permanente, começou em março do ano passado e já totaliza 562 prisões no Estado; o objetivo é combater a criminalidade e coibir a entrada de materiais ilícitos em Minas

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A 15ª edição da operação “Divisas Seguras” terminou com 40 pessoas presas na noite dessa quarta-feira (6) em Minas Gerais. Ao todo, foram 9.130 abordagens e 114 pontos estratégicos fiscalizados, além de blitze nas 18 Regiões Integradas de Segurança Pública (Risps). O objetivo da operação, que tem caráter permanente, é fazer um cerco à criminalidade, impedindo a circulação de materiais ilícitos e irregulares no Estado.

Os agentes de segurança também apreenderam 930 gramas e 25 buchas de maconha, 66 gramas e 10 dolas de crack, 55 grama e um pino de cocaína, três armas de fogo, cinco celulares, duas motosserras, um caminhão de carvão, 45 caixas e 65 sacos de calçados falsificados e R$ 849,00 em dinheiro.

Dos 6.007 veículos abordados durante a operação, 118 foram apreendidos por estarem circulando irregularmente. Nove documentos de licenciamento e nove carteiras de habilitação também foram recolhidos. O número de autos de infração lavrados chegou a 511.

Durante as fiscalizações nas áreas limítrofes do Espírito Santo com Minas na noite dessa quarta, foram lavrados 25 autos de infração de trânsito e quatro veículos foram apreendidos.

A ação contou com 1.104 agentes de segurança e 460 viaturas. Ela é realizada pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) em parceria com as polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Receita Estadual, Ministério Público, Polícia Rodoviária Federal, Policia Federal, e a atuação de agentes de São Paulo, Goiás, Espírito Santo, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Balanço total

Desde março do ano passado, quando as fiscalizações começaram, quase 130 mil pessoas e cem mil veículos foram abordados. Em todo o Estado, foram presas 562 pessoas e já foram apreendidos 300 kg de explosivos, mais de uma tonelada de maconha, 516 pedras de crack, 53 armas de fogo, aproximadamente, seis mil munições e 50 máquinas caça-níqueis.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave