Bayern perde, Guardiola se irrita e evita cumprimento

Em jogo contra as estrelas que disputam a Major Soccer League, nos Estados Unidos, alemães perderam por 2 a 1

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Mesmo com estrelas em campo, equipe alemã não conseguiu vencer estrelas do campeonato norte-americana
BAYERN DE MUNIQUE/DIVULGAÇÃO
Mesmo com estrelas em campo, equipe alemã não conseguiu vencer estrelas do campeonato norte-americana

O técnico Pep Guardiola exibiu irritação após o final do jogo no qual o Bayern de Munique caiu por 2 a 1 diante do time de estrelas da Major League Soccer, em jogo encerrado no início da madrugada desta quinta-feira, em Portland, nos Estados Unidos, naquele que foi o último amistoso da equipe antes da final da Supercopa da Alemanha, diante do Borussia Dortmund, na próxima quarta.

O treinador se revoltou com a arbitragem por não ter punido entradas mais duras de jogadores da equipe da casa, sendo que uma delas acabou tirando de campo o astro Schweinsteiger. Irritado, o espanhol chegou a bater boca com o técnico Caleb Porter e evitou cumprimentá-lo depois do término do confronto, quando o comandante local o procurou para a tradicional saudação dentro de campo, comum no final das partidas.

Guardiola, porém, evitou falar sobre o assunto após o jogo e se limitou a dizer que "não viu Porter" na saída do gramado. Antes de se indispor com o técnico da equipe de estrelas da liga de futebol dos Estados Unidos, ele escalou um Bayern formado quase todo por reservas no primeiro tempo, no qual o time alemão abriu o placar com um belo de Lewandowski, após passe do brasileiro Rafinha.

Na etapa final, entretanto, o time da casa virou o placar mesmo com o Bayern contando desta vez com estrelas como Lahm, Robben, Müller, Boateng, Götze, Neuer e o próprio Schweinsteiger em campo. Bradley Wright-Phillips e Landon Donavan, astro norte-americano que acabou ficando fora da última Copa do Mundo por opção de Klinsmann, fizeram os gols que asseguraram a vitória por 2 a 1.

Leia tudo sobre: bayernguardiolaamistosomajor soccer leaguetim cahillschweinsteigerlahmneuergotze