Para treinador, empate não foi condizente ao esforço alvinegro

Treinador classificou o resultado contra a Chapecoense como ruim, mas valorizou a persistências de toda a equipe

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

SC - BRASILEIRÃO/CHAPECOENSE X ATLÉTICO MINEIRO - ESPORTES - O técnico Levir Culpi, do Atlético-MG, em partida adiada da 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2014 contra a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó, nesta quarta-feira. 06/08/2014
CONTRA super

Foto: MARCIO CUNHA/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO
SC - BRASILEIRÃO/CHAPECOENSE X ATLÉTICO MINEIRO - ESPORTES - O técnico Levir Culpi, do Atlético-MG, em partida adiada da 10ª rodada do Campeonato Brasileiro 2014 contra a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó, nesta quarta-feira. 06/08/2014 CONTRA super Foto: MARCIO CUNHA/AGIF/ESTADÃO CONTEÚDO

O empate em 1 a 1 do Atlético com a Chapecoense pode ser digerido de duas formas. Pelo menos, é assim que avalia o técnico Levir Culpi. A equipe mineira quase saiu de campo com a derrota, num jogo em que poderia ter vencido, na opinião do comandante.

“Matematicamente foi muito ruim. Em um Brasileiro por pontos corridos não é legal. Porém, estávamos perdendo a partida. Ficamos mais perto da vitória do que a Chapecoense. Perdemos muitas oportunidades de gol. Não da pra lamentar”, declarou Levir.

Um dos grandes motivos para o Galo não ter alcançado seu objetivo foi a incompetência do setor ofensivo.

“Pecamos um pouquinho nas finalizações. Poderíamos ter virado o placar. Mas o goleiro deles também teve uma atuação excelente. E eles (Chapecoense) têm tido grandes resultados aqui (na Arena Condá)”, disse o treinador.

Levir enfrentou um problema antes mesmo do início da partida, quando Leandro Donizete, com dor muscular, foi vetado após o aquecimento. No entanto, o técnico não classificou tal fator como um grande obstáculo.

“O Josué é um jogador de alta qualidade também, praticamente do mesmo nível do Donizete. Não vi problema de queda no time. Acho que o time até teve mais jogo, mais passe, mais jogadas criadas. Por isso conseguimos o empate”, opinou.

Leia tudo sobre: Levir CulpiAtleticoGalo