Selfie de macaco gera briga de direito autoral

iG Minas Gerais |

Polêmica inusitada

Selfie de macaco gera briga de direito autoral
A organização sem fins lucrativos por trás da Wikipedia, Wikimedia, se negou a retirar a imagem de um macaco de seu banco de dados, mesmo após o fotógrafo que era dono da câmera ter feito o pedido. De acordo com a Wikimedia, como não foi o fotógrafo, e sim o macaco, que clicou o retrato, a imagem pode ser distribuída gratuitamente sob licença creative commons. Já o fotógrafo, David Slater, afirma que ele deve receber direitos autorais. A imagem foi feita quando Slater, um britânico, estava na Indonésia, em 2011. Ele tentava fotografar um exemplar da espécie 
Macaca nigra
 quando o próprio macaco tirou a câmera de suas mãos e tirou um selfie – com sorriso e tudo. “Como o som do clique chamou a atenção deles, os macacos continuaram clicando e brincando com meu equipamento”, afirma Slater.
Divulgacao / Commons
Polêmica inusitada Selfie de macaco gera briga de direito autoral A organização sem fins lucrativos por trás da Wikipedia, Wikimedia, se negou a retirar a imagem de um macaco de seu banco de dados, mesmo após o fotógrafo que era dono da câmera ter feito o pedido. De acordo com a Wikimedia, como não foi o fotógrafo, e sim o macaco, que clicou o retrato, a imagem pode ser distribuída gratuitamente sob licença creative commons. Já o fotógrafo, David Slater, afirma que ele deve receber direitos autorais. A imagem foi feita quando Slater, um britânico, estava na Indonésia, em 2011. Ele tentava fotografar um exemplar da espécie Macaca nigra quando o próprio macaco tirou a câmera de suas mãos e tirou um selfie – com sorriso e tudo. “Como o som do clique chamou a atenção deles, os macacos continuaram clicando e brincando com meu equipamento”, afirma Slater.

A organização sem fins lucrativos por trás da Wikipedia, Wikimedia, se negou a retirar a imagem de um macaco de seu banco de dados, mesmo após o fotógrafo que era dono da câmera ter feito o pedido. De acordo com a Wikimedia, como não foi o fotógrafo, e sim o macaco, que clicou o retrato, a imagem pode ser distribuída gratuitamente sob licença creative commons. Já o fotógrafo, David Slater, afirma que ele deve receber direitos autorais. A imagem foi feita quando Slater, um britânico, estava na Indonésia, em 2011. Ele tentava fotografar um exemplar da espécie Macaca nigra quando o próprio macaco tirou a câmera de suas mãos e tirou um selfie – com sorriso e tudo. “Como o som do clique chamou a atenção deles, os macacos continuaram clicando e brincando com meu equipamento”, afirma Slater.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave