Ausência de lesões ajuda na manutenção da qualidade de Everton Ribeiro

Meia-atacante celeste atribui isso ao seu histórico e à qualidade do trabalho preventivo realizado pela Raposa

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

Everton Ribeiro sofreu uma pancada na região lombar no jogo contra o Sport e deixou dúvidas sobre presença diante do Inter
Washington Alves/Light Press
Everton Ribeiro sofreu uma pancada na região lombar no jogo contra o Sport e deixou dúvidas sobre presença diante do Inter

No futebol atual, a condição física de um jogador é imprescindível para que ele possa exercer bem as suas funções dentro de campo. A forte marcação, a movimentação e o vigor físico que o futebol atingiu nos últimos tempos tem feito de cada membro de uma equipe um verdadeiro atleta.

Para alguns, o esforço resulta em lesões. Para outros, como o meia Everton Ribeiro, a boa condição atlética aumenta ainda mais as suas chances de se dar bem dentro de campo. Com poucas lesões na carreira, o jogador vem, pelo segundo ano consecutivo, se tornando um dos maiores destaques da equipe celeste.

O camisa 17 tem sido um dos jogadores mais presentes em campo pela ausência de problemas médicos. Ele atribui isso ao seu histórico e à qualidade do trabalho preventivo realizado pela Raposa. “Uma vez só eu torci o joelho, mas foi na época dos juniores. Depois disso, só deixei de jogar por cansaço muscular. Graças a Deus não tive nenhuma lesão grave. Me cuido bem e tem parte de fisiologia e preparação do Cruzeiro que é muito boa, o que ajuda bastante”, afirmou.

Everton Ribeiro espera que essa condição de resistência, que vem desde os tempos do Coritiba, se estenda pelo maior tempo possível. “No Coritiba também não tive lesão, fiquei anos sem me machucar. E pretendo continuar assim. É muito bom quando a gente se prepara bem e tem uma sequência. Vou tentar continuar fazendo isso para sempre ajudar o Cruzeiro”, concluiu.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposacampeonato brasileiroeverton ribeiro