Polícia Civil de Uberlândia apreende 282 kg de maconha e mata suspeito

Houve troca de tiros e o suspeito que seria responsável pelos entorpecentes, de 29 anos, acabou morto

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Uma operação da Polícia Civil de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, terminou com a apreensão de 282 kg de maconha na manhã desta quarta-feira (6). Houve troca de tiros e um dos suspeitos de 29 anos foi baleado e acabou morrendo. 

Segundo as informações do delegado Vítor Adriano Dantas, da 1ª Delegacia da cidade, eles receberam informações de um homem identificado como Rafael que estaria adquirindo entorpecentes no bairro Dom Almir e distribuiria para vários bairros da cidade. "Iniciamos a investigação e conseguimos a localização desse suspeito, sendo que por volta das 5h30 desta quarta chegamos ao local", explicou o policial. 

Assim que adentraram no imóvel os policiais localizaram duas motocicletas e dois carros. Em uma pick-up, a carroceria já estava carregada com vários tabletes de maconha. "O restante da droga foi encontrada no interior de um quarto, onde também foram apreendidos uma balança de precisão, materiais usados na embalagem de drogas e um rádio comunicador. 

"Haviam três indivíduos na casa, sendo que dois deles, de 22 e 23 anos, tentaram fugir e foram abordados em um muro e detidos. Já Rafael Henrique Pereira, de 29, ficou no interior da residência e efetuou dois disparos contra os meus homens, que revidaram e acabaram o baleando", relembrou o delegado Dantas. 

O Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer o suspeito, porém, ele acabou não resistindo e falecendo no local. A arma do suspeito, um revólver calibre 38 com duas munições deflagradas, foi apreendido pela corporação. 

Leia tudo sobre: tráficodom almirrafaelmortotraficantebaleadooperaçãopolícia civil282 kg300 kgmaconha