Após ser flagrado em exame antidoping, atleta mineiro é suspenso

Teste foi feito durante a Grande Prêmio Caixa Sesi de Atletismo, disputado em maio, em Uberlândia

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Em outubro do ano passado, Campeonato Sul-Americano de Resistência, na Argentina, Nelson alcançou o recorde continental na especialidade
Divulgação
Em outubro do ano passado, Campeonato Sul-Americano de Resistência, na Argentina, Nelson alcançou o recorde continental na especialidade

O atleta de arremesso de peso, Nelson Henrique Gonçalves Fernandes, foi suspenso pela Confederação Brasileira de Atletismo após ser flagrado no exame antidoping, feito durante o Grande Prêmio Caixa Sesi de Atletismo. A competição foi disputada em maio, em Uberlândia.

Segundo o comunicado da entidade da entidade e a ABCD, Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem, o teste feito pelo laboratório credenciado pela WADA/IAAF, em Montreal, no Canadá, atestou a presença da substância proibida metilfenidato - Estimulantes - S6. 

Nelson foi comunicado do resultado em 18 de junho. No dia 28, ele apresentou a justificativa à CBAt, que não foi aceita. Assim, o atleta abriu mão do segundo exame. A partir da punição, válida a partir do último dia 4 de agosto, ele terá 14 dias para solicitar o julgamento pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Atletismo. 

Nelson Gonçalves, 20 anos, alcançou recordista sul-americano e brasileiro juvenil, campeão sul-americano e medalhista de bronze no Pan-Americano Juvenil de Medellín. 

Leia tudo sobre: dopingnelson gonçalvesCBAtatletismomineiropuniçãosuspensão