Motivado, Anderson Varejão está confiante para Mundial

Pivô do Cleveland Cavaliers e da seleção brasileira está confiante em bom desempenho do Brasil na Espanha

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Varejão vê seleção brasileira com boas chances no Mundial
Reprodução/Facebook
Varejão vê seleção brasileira com boas chances no Mundial

O pivô do Cleveland Cavaliers e da seleção brasileira Anderson Varejão está confiante para um bom desempenho do Brasil no Mundial de Basquete, que começa no fim do mês, na Espanha. O jogador acredita que o selecionado treinado por Ruben Magnano passa por um bom momento e tem condições até mesmo de brigar por medalha.

"A gente sabe o nosso potencial, estamos com o grupo completo, indo com força máxima para a Espanha. Para mim o mais importante de tudo é como a seleção brasileira vai chegar lá. Tem que chegar jogando um basquete redondinho, todo mundo sabendo o que tem de fazer, e fazendo isso a gente tem grandes chances de representar a seleção da melhor maneira possível", avaliou o pivô, na manhã desta quarta-feira.

"Estou muito motivado. Todo mundo sabe o porquê de a seleção não ter conseguido a classificação. A seleção não pôde contar com alguns jogadores importantes, chegou lá e não jogou bem. Essas coisas acontecem numa competição rápida", afirmou, lembrando o fiasco da equipe no ano passado, quando foi eliminada precocemente da Copa

América disputada na Venezuela e precisou de um convite da Federação Internacional de Basquete para disputar o Mundial.

As declarações de Varejão foram dadas em evento realizado no hotel Sheraton, na zona sul do Rio, para promover o jogo entre sua equipe e o Miami Heat, que acontecerá em outubro no HSBC Arena, na Barra da Tijuca. A partida faz parte da pré-temporada oficial da NBA - chamada de NBA Global Games.

Além de trazer duas das principais equipes da liga norte-americana de basquete, a partida marcará ainda a reestreia do ala/pivô LeBron James pela equipe de Cleveland. "Se antes os olhos do Brasil estavam voltados para esta partida, agora serão os olhos do mundo", comemorou Arnon de Melo, diretor-executivo da NBA no Brasil.

Varejão também exaltou a partida. "Para muitos brasileiros faz 'parte do pacote' assistir a um jogo da NBA quando vão para os Estados Unidos. Agora têm a grande oportunidade, um jogo está vindo para o Brasil. Ficou até mais fácil para aqueles que ainda não foram", destacou.