Metrô Rio é multado em mais de R$ 541 mil por má qualidade de serviço

A decisão foi tomada na última segunda-feira (4), durante sessão regulatória, baseada em uma pesquisa encomendada pela própria reguladora ao Ibope

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O conselho diretor de Agetransp, agência que regula as concessões de transportes públicos no Estado do Rio, decidiu multar a concessionária Metrô Rio em R$ 541.312,89 por baixa qualidade do serviço. A decisão foi tomada na última segunda-feira (4), durante sessão regulatória, baseada em uma pesquisa encomendada pela própria reguladora ao Ibope.

Segundo o levantamento de opinião feito com os usuários, em setembro de 2013, os serviços prestados pela concessionária Metrô Rio obtiveram nota média de 7,8, quando a mínima exigida era 8,2.

Na mesma sessão, a Agetransp também multou a Supervia (responsável pelo transporte em trens) por duas faltas de manutenção que resultaram em atrasos e cancelamentos de viagens.

A primeira multa, no valor de R$ 61.251, refere-se a um incidente ocorrido nas proximidades da estação Vila Militar (zona oeste) em outubro de 2011. Na ocasião, um trem teve a barra de união quebrada o que provocou separação entre os carros da composição. A investigação apontou que houve falha no roteiro dos procedimentos de manutenção. Em decorrência do incidente, 13 viagens foram suprimidas e 34 sofreram atrasos.

Já por uma avaria em um pantógrafo (parte de cima do trem que capta energia elétrica) ocorrida em 3 março de 2009, entre as estações de Campos Elíseos e Gramacho, na Baixada Fluminense, a concessionária foi multada em R$ 25.952. Por conta do incidente, naquele dia, houve uma supressão de 14 viagens no ramal.

A assessoria de imprensa da Metrô Rio afirmou que a concessionária irá recorrer da decisão. "Em pesquisa realizada pelo Ibope no mesmo período, 91% dos seus usuários indicavam o Metrô Rio para amigos e conhecidos como o melhor meio de transporte", disse, em nota.

A SuperVia informou, também em nota, que irá aguardar a publicação oficial das decisões para analisar possíveis recursos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave