Homem mata ex a marretadas e a facada, tenta se matar e é preso

Suspeito foi encontrado dentro da casa de uma tia, escondido em um banheiro; armas utilizadas no crime foram encontradas ao lado do corpo

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Uma jovem de 25 anos foi executada pelo ex-companheiro a marretadas e com uma facada, em Leopoldina, na Zona da Mata, nessa segunda-feira (4). O suspeito de 33 anos tentou se matar, mas foi impedido.

Testemunhas contaram à Polícia Militar (PM) que o casal discutiu na estrada que dá acesso a fazenda São Pedro. Durante a briga, ele acertou ela com várias marretadas na cabeça e cortou o pescoço dela com uma faca. O corpo da mulher foi encontrado às margens da estrada e ao lado dela estavam os objetos utilizados no crime. A vítima morreu no local.

O suspeito teria ido para a casa dele, no distrito Providência, de bicicleta e lá teria tentado se matar, amarrando um fio no pescoço e outra ponta no alto de um guarda-roupa, mas foi impedido por conhecidos que não sabiam que ele tinha matado a jovem. Na residência, a PM encontrou muito sangue.

Após a tentativa de suicídio, o homem fugiu e se escondeu na casa de uma tia, onde foi detido. Eles estava dentro de um banheiro e a PM chegou ao local após denúncias.

Leia tudo sobre: marretadafacadaex