Maracanã e Engenhão terão que passar por mais reformas

Ao todo, serão 28 modalidades esportivas nos Jogos do Rio, duas a mais do que em Londres

iG Minas Gerais | Gabriela Pedroso |

Palco das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos, o estádio do Maracanã terá de passar por algumas intervenções para a instalação de estruturas temporárias. Temas como a dimensão das alterações no estádio, a necessidade ou não de uma interrupção no funcionamento do local e prazos, no entanto, são algumas das questões que ainda deverão ser esclarecidas. O Maracanã também receberá as partidas semifinais e finais do futebol masculino e feminino olímpico.  

Outro estádio da capital fluminense na rota do evento é o Engenhão, interditado desde março de 2013, após um laudo apontar problemas na cobertura do estádio, que poderia cair. Além do conserto do teto, estimado para ficar pronto até o início de 2015, outro projeto deve entrar em ação para ampliar em mais 15 mil lugares a capacidade do estádio, que hoje comporta cerca de 45 mil pessoas. A estrutura temporária seria instalada atrás dos gols, no anel superior da arena, que será a casa do atletismo.

Ao todo, serão 28 modalidades esportivas nos Jogos do Rio, duas a mais do que em Londres. A Olimpíada 2016 será disputada de 5 a 21 de agosto e a Paralimpíada de 7 a 18 de setembro, no mesmo ano.

De legado dos Jogos Pan-Americanos de 2007, a Olimpíada do Rio de Janeiro vai aproveitar, além do Engenhão, o Parque Aquático Maria Lenk, a Arena HSBC – Barra da Tijuca, o Centro Nacional de Tiro Esportivo, o Centro Equestre, o Centro de Hóquei e o Centro Aquático de Pentatlo de Deodoro. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave