Coelho quase imbatível em casa

Campanha contrasta com a de 2013, quando os pontos perdidos no Horto fizeram falta no fim

iG Minas Gerais | Antônio Anderson |

Presença. No Mineirão, quase 20 mil pessoas viram a vitória do América sobre o Joinville por 3 a 1
DENILTON DIAS / O TEMPO
Presença. No Mineirão, quase 20 mil pessoas viram a vitória do América sobre o Joinville por 3 a 1

Um mandante quase imbatível. Não fosse a derrota para o Náutico, o América teria, hoje, 100% de aproveitamento atuando em casa pela Série B do Campeonato Brasileiro e poderia, inclusive, estar na liderança da competição. Mas, apesar do revés diante do time pernambucano, o Coelho ainda se destaca nas estatísticas do Brasileirão como a equipe com o melhor aproveitamento entre os 20 clubes participantes quando atua diante de sua torcida.

Em sete jogos, o América tem um aproveitamento de 85,7% com seis vitórias (Ceará, Vila Nova-GO, Joinville, Paraná, Oeste-SP e ABC-RN) e uma derrota (Náutico). Atuando em Minas Gerais, o alviverde marcou 14 gols e sofreu quatro. No Independência, os números do Coelho são ainda mais expressivos. Com 100% de aproveitamento, o time venceu seus cinco jogos no Horto sem levar sequer um gol. O time teve sua defesa vazada na derrota por 3 a 1 para o Náutico, em Muriaé, e na vitória por 3 a 1 sobre o Joinville, no Mineirão.

Em comparação ao ano passado, nos seis primeiros jogos que fez em casa até a 14ª rodada, o América havia conquistado nove dos 18 pontos que disputou. O alviverde venceu Oeste-SP e Sport-PE, empatou com Paraná, Bragantino e Ceará e perdeu para o Figueirense, aproveitamento de 50%. Foram 17 gols pró e 13 contra. Mas o retrospecto final do América atuando como mandante acabou atrapalhando o time, que em 2013 venceu mais partidas como visitante, resultados que acabaram atrapalhando as chances de o time conseguir o acesso. O alviverde terminou a competição nacional em nono lugar na tabela de classificação, com 57 pontos, três a menos do que o Figueirense, que acabou ficando com a quarta vaga.

Torcida. A boa campanha do América em casa também se reflete na presença da torcida. Após 14 rodadas, o alviverde é o sexto colocado em média de público da Série B. Ao todo, 36.556 torcedores pagaram ingresso nos sete jogos do Coelho como mandante, uma média de 5.222 por partida. O América é superado por Sampaio Correa (13.290), Santa Cruz (11.698), Vasco (9.506), Ceará (9.442) e Joinville (7.998). O Boa, outro representante mineiro na competição, aparece em 14º, com média de 1.722.

Com apenas 36,8% das rodadas disputadas, o América é vice-líder da Série B. O clube tem 26 pontos, dois a menos do que o líder Ceará. Mineiros e cearenses se destacam na competição como as equipes que mais venceram depois de 14 rodadas. Cada um conquistou oito vitórias. O alviverde tem ainda o terceiro melhor ataque do Nacional, com 22 gols, e a segunda defesa menos vazada, com 13 gols. O Ceará, com 26 gols, tem o melhor ataque da Série B. A melhor defesa é a do Vasco, que sofreu apenas oito gols.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave