Conflito em Gaza faz ATP cancelar torneio em Israel

Competição estava marcada para setembro. Seria a primeira edição de um torneio da ATP em solo israelense desde 1996

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

AP PHOTO /TSAFRIR ABAYOV
undefined

Os conflitos entre israelenses e palestinos na Faixa de Gaza cancelaram mais um evento esportivo na região. Nesta segunda-feira, a ATP informou que deixará de organizar a primeira edição do Torneio de Tel Aviv, de nível 250, em setembro. Seria a primeira edição de uma competição da ATP em solo israelense desde 1996. A competição entrou no calendário do circuito profissional de tênis no lugar de St. Petersburg, na Rússia. E seria disputado entre os dias 15 e 21 de setembro. A ATP, contudo, decidiu cancelar o evento alegando falta de segurança. "Lamentamos que o ATP de Tel Aviv, em Israel, não será disputado neste ano", disse o presidente da entidade, Chris Kermode. "Infelizmente, não acreditamos que poderemos proceder como planejamos dada as atuais condições da região. Garantir a segurança de nossos jogadores, fãs e todos os envolvidos na organização de um evento de nível mundial é nossa prioridade número 1", declarou o dirigente. "Esperamos estar de volta à Tel Aviv no próximo ano".  Presidente da Associação de Tênis de Israel, Asaf Tochmeir também lamentou o cancelamento do evento. "Fizemos de tudo para garantir um evento da ATP bem-sucedido em Israel. Levantamos fundos suficientes e cuidamos de todos os detalhes da organização", afirmou o dirigente. "Gostaríamos de expressar nossa preocupação com os soldados assim como expressar nossas condolências aos civis que acabaram morrendo".  Antes do torneio de tênis, já havia sido cancelado a segunda edição do Campeonato Mundial Júnior de Maratonas Aquáticas, que seria realizado na cidade de Eilat, em Israel, nos últimos três dias de agosto. No futebol, a Uefa determinou que as partidas com mando de campo dos times israelenses em seus torneios serão disputadas no Chipre.

Leia tudo sobre: Chris KermodetenisATP Israeladiamentofaixa de gazasegurança