Minas é um dos líderes no país

De acordo com o levantamento realizado pela Transparência Brasil, Minas lidera também o ranking das assembleias que mais gastam com pessoal

iG Minas Gerais | Flávia Carneiro |

A Assembleia de Minas é o Legislativo com um dos maiores gastos entre os 26 Estados brasileiros e o Distrito Federal. Em 2014, a Casa conta com orçamento de R$ 1 bilhão.  

Os custos do Parlamento mineiro são maiores do que o de São Paulo – R$ 881 milhões, Estado que possui o maior número de deputados no país (94) contra os 77 que exercem mandato em Minas.

O valor por parlamentar no Legislativo mineiro, considerando todos os gastos, é de R$ 13 milhões por ano, só atrás do Distrito Federal, que gasta anualmente R$ 16,15 milhões com cada um de seus 24 deputados.

De acordo com o levantamento realizado pela Transparência Brasil, Minas lidera também o ranking das assembleias que mais gastam com pessoal. O orçamento com os funcionários chegou próximo de R$ 710 milhões, em 2013. A despesa é 14% maior do que a observada no parlamento paulista, o segundo colocado.

Cada deputado mineiro recebe subsídio de R$ 20.042,35. Quem não mora na capital e região metropolitana tem direito ao auxílio-moradia mensal de R$ 2.850. Os gastos com gabinete têm limite mensal de R$ 20 mil. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave