Na volta de Fred, Flu vence Goiás e vira vice-líder do Brasileiro

Com triunfo no Maracanã, time carioca alcançou 25 pontos, quatro a menos que o líder Cruzeiro

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Jogadores do Fluminense comemoram vitória e vice-liderança do Brasileirão
flickr oficial/fluminense/divulgação
Jogadores do Fluminense comemoram vitória e vice-liderança do Brasileirão

Na volta do atacante Fred, o Fluminense assumiu a vice-liderança do Campeonato Brasileiro ao vencer o Goiás por 2 a 0, na noite deste domingo, no Maracanã. O time carioca alcançou 25 pontos, quatro a menos que o líder Cruzeiro. O centroavante só entrou no segundo tempo, quando seu time já vencia por 2 a 0. Ele não atuava pelo Flu desde 18 de maio e, depois do fracasso da seleção na Copa, ganhou 11 dias de folga.

Fred praticamente não tocou na bola. Era nítida a intenção dos demais jogadores do Flu de deixar o atacante em condições de fazer o gol. Ele correu, se esforçou e levou um pontapé de Amaral, que deveria ter sido expulso e nem sequer recebeu cartão amarelo. A cada lance do qual participava, Fred ouvia o incentivo do público - mais de 40 mil pessoas estiveram no Maracanã. Foi assim desde que começou a se aquecer no início da segunda etapa.

A vitória do Flu foi consolidada nos primeiro 20 minutos de jogo e graças à atuação destacada de Conca, Jean e Rafel Sóbis. Também contribuiu para o triunfo dos cariocas a sequência de equívocos da zaga do Goiás. No primeiro erro dos visitantes, Cícero completou para o gol um cruzamento rasteiro de Conca.

Depois, o zagueiro Pedro Henrique se atrapalhou numa saída de bola, Rafael Sóbis foi mais rápido e deixou Wagner livre pela esquerda. O meia cruzou e David fez gol contra. Até o final do jogo, o Fluminense criou outras chances, sempre a partir de iniciativas de Conca. O Goiás às vezes chegava com perigo, mas errava demais na troca de passes. Ainda assim, o time goiano deu trabalho três vezes para o goleiro Diego Cavalieri.

Nos acréscimos, a torcida do Fluminense comemorou a vitória com gritos de "olé" e cânticos em homenagem a Fred. "Estou feliz de rever a minha casa, a minha torcida, o Maracanã. Nada vai mudar" declarou Fred, ao deixar o gramado.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 2 X 0 GOIÁS

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Henrique e Carlinhos; Jean, Valencia, Cícero (Chuiquinho), Conca e Wagner (Rafinha); e Rafael Sóbis (Fred). Técnico - Cristóvão Borges.

GOIÁS - Renan; Moisés (Assuério), Jackson, Pedro Henrique e Lima; Amaral, David, Thiago Mendes e Ramon (Esquerdinha); Erik (Murilo) e Bruno Mineiro. Técnico - Ricardo Drubscky.

GOLS - Cícero, aos 9, e David (contra), aos 20 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Heber Roberto Lopes (Fifa/SC).

CARTÕES AMARELOS - Wagner (Fluminense) e David (Goiás).

RENDA - R$ 705.250,00.

PÚBLICO - 34.992 pagantes.

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio.

Leia tudo sobre: futebol nacionalfredfluminensecampeonato brasileiro