Morre segunda vítima da explosão em obra no Rio de Janeiro

Aílton da Costa, de 55 anos, estava internado em estado gravíssimo no Hospital Municipal Pedro II com 80% do corpo queimado

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Morreu no fim da tarde deste sábado (2) mais uma vítima da explosão em uma obra de um prédio comercial da Tijuca, na zona norte do Rio de Janeiro. Aílton da Costa, de 55 anos, estava internado em estado gravíssimo no Hospital Municipal Pedro II, com 80% do corpo queimado, e não resistiu aos ferimentos.

Ele trabalhava na obra do Corporate Tijuca, da construtora João Fortes Engenharia, quando um tanque de gás explodiu, na tarde de sexta-feira (1º). As causas da tragédia estão sendo apuradas pela 19ª Delegacia de Polícia. A outra vítima, o operário Emerson Carneiro, de 38 anos, morreu no local.

Mais um funcionário da construtora continua internado no Hospital Municipal Souza Aguiar, em estado grave, porém estável. Fernando Alexandre, de 43 anos, teve 40% do corpo queimado na explosão, que atingiu principalmente o rosto e as pernas.

Outro ferido, Fabiano Lima teve queimaduras nas mãos e recebeu alta nessa sexta-feira do Hospital Souza Aguiar. Em nota, a João Fortes Engenharia informou que prestará toda a assistência às vítimas e parentes.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave