Ponte empata em jogo de seis gols e amplia jejum

Em um jogo com um primeiro tempo emocionante, Sampaio Corrêa e Ponte empataram por 3 a 3 após Macaca sair na frente e abrir 2 a 0

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

No começo do jogo, o time paulista deu a impressão de construiria a vitória com certa tranquilidade
PontePress/Victor Hafner
No começo do jogo, o time paulista deu a impressão de construiria a vitória com certa tranquilidade

Ainda não foi neste sábado que a Ponte Preta encerrou seu jejum de vitórias após a Copa do Mundo. Em um jogo com um primeiro tempo emocionante, Sampaio Corrêa e Ponte empataram por 3 a 3 no Estádio Castelão, em São Luís (MA). Os paulistas chegaram a abrir 2 a 0 no início da partida, que foi válida pela 14.ª rodada da Série B do Brasileirão.

O resultado foi ruim para as duas partes. Os maranhenses, que foram melhores na maior parte do jogo, perderam uma ótima chance de entrar no G4, zona de acesso. Com o tropeço em casa, chegaram aos 23 pontos, na sexta posição. Já a Ponte chega a sete jogos sem vitórias, e segue no meio da tabela com 19 pontos.

No começo do jogo, o time paulista deu a impressão de construiria a vitória com certa tranquilidade. Em duas falhas defensivas do Sampaio Corrêa, os paulistas abriram 2 a 0. Logo aos três minutos, o Adrianinho cobrou falta na área, o goleiro Luiz Müller falhou e o Elton completou. O segundo gol saiu em erro duplo dos zagueiros maranhenses, aos 42 minutos. Rafael Costa disparou em velocidade e bateu na saída do goleiro.

A reação do Sampaio aconteceu ainda no primeiro tempo. Aos 22 minutos, Edgar foi derrubado na área por Juninho. Na cobrança do pênalti, aos 24 minutos,Eloir não perdoou. Cinco minutos depois, Hiltinho escapou pela direita e cruzou na medida para Eloir, de novo, encher o pé da entrada da área e deixar tudo igual.

Na segunda etapa, o ritmo do jogo caiu, mas ainda assim os donos da casa dominaram. O Sampaio Corrêa conseguiu a virada aos 36 minutos, quando Eloir fez boa jogada pela esquerda e tocou para Pimentinha só completar. A Ponte, contudo, voltou a empatar aos 42 minutos, quando Rafael Costa completou, de cabeça, uma cobrança de falta da direita.

Na próxima terça-feira, às 21 horas, o Sampaio Corrêa volta a campo para enfrentar o Joinville, na Arena Joinville. A Ponte Preta joga contra o Bragantino, na sexta-feira, às 21 horas, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.  

Leia tudo sobre: ponte pretasampaio corrêamaranhãojejumcastelãosão luíshiltinhogolssérie bsegundonabrasileirão