Eleição “não pegou” eleitor

Pesquisa mostra que seis em cada dez mineiros têm pouco ou nenhum interesse no pleito deste ano

iG Minas Gerais | Ricardo Corrêa |

Seis em cada dez mineiros têm pouco ou nenhum interesse na eleição deste ano para presidente, governador, senador e deputados que acontecerá em outubro. É o que aponta o relatório da pesquisa Ibope realizada entre os dias 26 e 28 de julho. Além do desinteresse, na pesquisa espontânea de intenção de votos, 81% dos eleitores não foram capazes de apontar um candidato que esteja disputando o pleito deste ano.  

Os eleitores foram questionados sobre seu grau de interesse na disputa eleitoral e mostraram um cenário de desânimo. Apenas 13% afirmam possuir “muito interesse” nas eleições. Outros 25% afirmam que possuem “interesse médio”. Os que dizem ter “pouco interesse” são 34%, e os que não possuem “nenhum interesse” somam 26%.

Os homens estão mais ligados na eleição. Do total de entrevistados do sexo masculino, 44% disseram ter muito interesse no pleito. Entre as mulheres, 33% afirmaram estar com a atenção voltada para a eleição.

Já o interesse por faixa etária revela jovens desatentos ao processo. Os que possuem pouco ou nenhum interesse somam 65% entre os que possuem de 16 a 24 anos. Na faixa dos 25 aos 34 anos, por exemplo, os que possuem pouco ou nenhum interesse somam 53%.

No quesito escolaridade, os menos interessados estudaram até a 8ª série (67%). Os que possuem mais interesse são os que têm ensino superior (43%).

Por faixa de renda, quanto mais ricos, mais interessados estão os mineiros. Os que possuem muito interesse ou interesse médio são 49% entre os que ganham mais de 5 salários mínimos, 39% entres os que recebem de dois a cinco salários, e 28% entre os que recebem até dois salários mínimos.

Espontânea. Quando perguntados em quem vão votar para governador de Minas, os mineiros se enrolaram para responder de forma espontânea. Oito em cada dez entrevistados não souberam, não responderam, alegaram voto em branco ou nulo ou citam políticos que não estão concorrendo nas próximas eleições.

Os que não souberam ou não responderam à questão somaram 65%, de acordo com o Ibope. Outros 12% disseram que votariam em branco ou nulo, e 4% citaram candidatos que sequer estão disputando as eleições deste ano.

Senado. No caso da disputa pelo Senado, o levantamento espontâneo mostra que os candidatos precisam se mostrar ainda mais ao eleitor. Sem a presença dos nomes dos postulantes, 84% dos entrevistados não citam ninguém.

Presidência. No caso da Presidência da República, os mineiros parecem ter mais facilidade de apontar um candidato, mesmo quando os nomes não são apresentados a ele.

Os que não sabem ou não responderam sobre em quem pretendem votar somaram 30%, e os que disseram votar em branco ou nulo foram 11%. Outros 2% citaram candidatos fora da disputa. Os que sobraram se dividiram entre Aécio Neves (28%), Dilma Rousseff (26%), Eduardo Campos (3%), Pastor Everaldo (1%).

Levantamento

Dados. A pesquisa Ibope contratada pela TV Globo está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Minas com o número MG-00058/2014 e entrevistou 1.512 pessoas entre 26 e 28 de julho.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave