Análise em um dos pilares é iniciada

Enquanto segue o trabalho dos técnicos e dos peritos, os moradores do condomínio Antares continuam a conviver com os transtornos causados pela remoção dos escombros do viaduto

iG Minas Gerais | André Santos |

A Cowan, empresa que executou as obras do viaduto, acompanhada pela Polícia Civil, deu início na tarde desta sexta às escavações do entorno do pilar central, peça-chave para que o laudo pericial seja concluído e, assim, seja possível definir o que teria causado a queda da estrutura. De acordo com a Polícia Civil, não existe uma previsão para a conclusão dos trabalhos.  

Uma retroescavadeira está sendo usada para escavar o entorno do pilar para que os peritos façam as análises da estrutura. Durante os trabalhos, a Cowan efetuou também a retirada de outro pilar da alça sul do viaduto. A estrutura, que estava às margens de uma das pistas da avenida Pedro I, foi dividida em pedaços e transportada em duas carretas para análise.

Enquanto segue o trabalho dos técnicos e dos peritos, os moradores do condomínio Antares continuam a conviver com os transtornos causados pela remoção dos escombros do viaduto. Na tarde desta sexta, um buraco apareceu no muro do condomínio. Enquanto esperam a solução de mais um problema, seguranças privados fazem a vigília do condomínio, e somente pessoas cadastradas têm acesso aos blocos do conjunto residencial. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave