Atlético-GO ganha do lanterna Vila Nova na Série B

Dragão campineiro galgou degraus na tabela de classificação e afundou o rival ainda mais

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O Atlético-GO afundou ainda mais Vila Nova no buraco. Na noite desta sexta-feira, pela 14ª rodada da Série B, o Atlético-GO venceu o clássico goiano por 2 a 0, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, e deixou o Vila Nova na lanterna, cada vez mais próximo do rebaixamento.

Com isso, o Atlético-GO chegou à quarta vitória seguida e subiu para o sétimo lugar no campeonato, com 22 pontos, um atrás do quarto colocado Joinville, que ainda entra em campo nesta rodada. Já o Vila Nova segue na lanterna, com apenas cinco pontos em 14 partidas.

O jogo começou com cara de clássico. Disputa pela bola, muita marcação e poucas chances de gols. Num início tão disputado, o Atlético-GO aproveitou a chance em bola parada para abrir o marcador aos 26 minutos. Marcus Winícius subiu mais alto que a defesa, após cobrança de falta, e deu um leve desvio de cabeça para o gol.

Com a vantagem, o Atlético-Go começou a controlar a partida, ditando o ritmo e buscando o ataque em jogadas de velocidade. Em um delas, ampliou o placar. Após cruzamento de Pedro Bambu, a defesa do Vila Nova cortou mal e André Luis pegou de primeira para fazer 2 a 0.

No segundo tempo, o Atlético-GO seguiu controlando as iniciativas e por pouco não ampliou com Junior Viçosa nos minutos iniciais. O Vila Nova, mesmo com as mudanças do técnico Marcio Goiano, que encheu o time de atacantes, não conseguiu reagir e pouco criou. Além disso, ainda ficou com um jogador a menos após a expulsão do volante Radamés.

Os dois rivais voltam a campo na próxima semana. O Atlético-GO recebe o Ceará na sexta-feira, enquanto Vila Nova visita o Paraná no dia seguinte.

FICHA TÉCNICA:

VILA NOVA 0 X 2 ATLÉTICO-GO

VILA NOVA - Cléber Alves; Léo Rodrigues, Julio César, João Paulo (Vitor) e Rafinha; Arthur (Gustavinho), Leonardo, Radamés e Júnior Xuxa; Paulinho e Jheimy (Dimba). Técnico: Márcio Goiano.

ATLÉTICO-GO - Márcio; Jonas, Adriano Alves, Lino e Victor; Marcus Winícius, Pedro Bambu, Luciano Sorriso (Wagner Carioca) e Jorginho (Diogo Campos); André Luis (Yago) e Junior Viçosa. Técnico - Hélio dos Anjos.

GOLS - Marcus Winícius, aos 26, e André Luis, aos 32 minutos do primeiro tempo. ÁRBITRO - André Luis de Freitas Castro (GO). CARTÕES AMARELOS - Léo Rodrigues, Júlio César, Jheimy, Dimba e Júnior Xuxa (Vila Nova); Marcus Winícius (Atlético-GO). CARTÃO VERMELHO - Radamés (Vila Nova). RENDA - R$ 72.820,00. PÚBLICO - 6.209 pagantes. LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).

Leia tudo sobre: atletico-govila novagoiasserie bfutebolclassico