Força defensiva será mantida com entrada de Mayke, garante treinador

Jovem lateral-direito será titular diante o Botafogo, uma vez que Ceará, dono da posição, está fora do jogo por lesão na coxa

iG Minas Gerais | GUILHERME GUIMARÃES E BRUNO TRINDADE |

Esportes - Belo Horizonte - MG
Treino do Cruzeiro antes do jogo contra o Botafogo no Rio de Janeiro.

Na foto: tecnico Marcelo Oliveira

FOTO: FERNANDA CARVALHO / O TEMPO - 01.08.2014
FERNANDA CARVALHO / O TEMPO
Esportes - Belo Horizonte - MG Treino do Cruzeiro antes do jogo contra o Botafogo no Rio de Janeiro. Na foto: tecnico Marcelo Oliveira FOTO: FERNANDA CARVALHO / O TEMPO - 01.08.2014

O técnico Marcelo Oliveira não terá o lateral-direito Ceará contra o Botafogo, neste sábado, às 18h30, no Maracanã. O experiente jogador, que sofreu lesão na coxa direita, será substituído pelo jovem Mayke.

Com características diferentes, Ceará mais atuante na marcação e Mayke com mais ímpeto de ataque, Marcelo Oliveira terá um time mais leve e com maior poder ofensivo. Entretanto, o treinador afirma que a entrada do jovem lateral não ocasionará problemas com a marcação no setor direito da Raposa.

“O Mayke e o Ceará são eficientes e precisam fechar a linha de quatro quando somos atacados. Ainda mais contra o Botafogo, que tem dois jogadores rápidos no ataque”, disse. Sobre a diferença de estilo dos jogadores, Marcelo Oliveira mantém a tranquilidade sobre o sistema defensivo e diz que até mesmo Ceará tem liberdade para atacar. “Eu dou liberdade pra os laterais atacarem. O Mayke é leve, de toques rápidos, mas estamos tranquilos, pois ele pode cumprir o seu papel e nos ajudar bem”, frisou.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposamarcelo oliveiramaykecearábotafogocampeonato brasileiro