Em treino de slackline, jogadores aprimoram equilíbrio e concentração

Atletas do Sada Cruzeiro andaram sobre fita, e após muitas quedas, mais novos do grupo se mostraram mais habilidosos

iG Minas Gerais | DIEGO COSTA |

O elenco do Sada Cruzeiro está na corda bamba. Literalmente. Mas tudo não passa de uma preparação especial que os profissionais do clube estão desenvolvendo na pré-temporada. Após remar na Lagoa dos Ingleses, na prática do Stanp Up Paddle, foi a vez de os atletas encararem o Slackline, na Praça do Papa.

Na manhã desta quinta, os jogadores tiveram a segunda sessão da modalidade, que consiste em andar com um pé na frente do outro sobre uma faixa estreita pendurada entre duas árvores. Como o resultado foi muito satisfatório no primeiro dia, o instrutor da atividade, Nilton Nerea, já propôs outros desafios. Eles teriam de virar, agachar e andar de costas. Tudo isso em cima de uma corda que não passa de cinco centímetros de largura.

Após quedas e mais quedas, os primeiros passos foram aparecendo. E os mais jovens já começavam a se destacar. Os mais experientes iam se soltando aos poucos. Concentração, respiração, e o físico dos atletas eram exigidos durante o pequeno porém desafiador trajeto.

"Essa é uma atividade que ajuda no fortalecimento da parte física dos jogadores. Auxilia a corrigir o desequilíbrio, aumentar a concentração e controle, que é fundamental durante os jogos. Trabalha partes importantes da musculatura dos atletas”, explicou o preparador físico do Sada Cruzeiro, Fábio Correia.

Um dos destaques do treinamento, o oposto Alan espera repetir a boa performance também nas quadras.

“Foi muito bom participar de um evento diferente. Pude fazer mais coisas. Andei, virei, cheguei a agachar. Agora, quero encarar a fita de menor espessura, que tem 2,5cm. E o mais importante é a concentração para fazer o melhor durante os jogos”, comentou.

E o ponteiro Filipe comemorou a melhora dele durante a atividade. Quando conseguiu completar todo o percurso, extravasou, assim como faz a cada ponto decisivo dele nas partidas.

"Isso sempre acontece comigo. Quando consigo superar um desafio, após muita concentração, tenho que me comemorar. O slackline vai ajudar principalmente no foco na hora do saque, que é um momento individual, a pressão. Dá para trabalhar bem isso”, concluiu.

O grupo ainda fará a última sessão da atividade na próxima semana. Capitão aprova atividade diferente em aniversário

No dia da segunda sessão do treino de slackline, a data foi especial para um jogador do Sada Cruzeiro. O levantador William completou 35 anos. E ele gostou de começar o aniversário com o treino alternativo.

“Um prazer enorme poder começar o meu aniversário com uma atividade dessa. Ao ar livre, com os companheiros, em uma bela paisagem como esta da Praça do Papa. Gostei demais”, disse o capitão do Sada Cruzeiro.

'O Mago' vai para a quarta temporada no clube mineiro. Ele foi contratado em 2010, após grande destaque no voleibol argentino. De lá para cá, o camisa 7 é considerado um dos principais atletas do elenco campeão do Sada Cruzeiro.

Leia tudo sobre: sada cruzeirotreinoslacklinefitapraça do papaalanfilipewilliamaniversário