Ronaldinho se despede da Massa alvinegra com um "até breve"

Um dos maiores jogadores da história do futebol mundial garante que se tornará mais um dos milhões de torcedores que compõe a fanática torcida atleticana

iG Minas Gerais | FERNANDO ALMEIDA E THIAGO PRATA |

Ronaldinho recebe Galo de Prata das mãos do presidente Alexandre Kalil
Bruno Cantini
Ronaldinho recebe Galo de Prata das mãos do presidente Alexandre Kalil

“O Galo é especial para mim”. É desta forma que Ronaldinho Gaúcho diferencia o Atlético de todos os outros clubes por onde passou. E ele pode ter certeza que a Massa também possui um carinho diferenciado por um dos grandes responsáveis por recolocar o time alvinegro na prateleira de cima do futebol nacional e internacional. O ciclo de R10 com a agremiação terminou. Mas seu nome está na história. Está na eternidade.

“Tive a felicidade de ser campeão em todos os clubes que joguei. Todos têm um espaço no meu coração. O Barcelona foi onde joguei mais tempo. E aqui (Atle´tico) marcou muito por ter conquistado um título inédito na história do clube. Algo muito marcante. O Galo é especial para mim por tudo que vivi aqui”, declarou Ronaldinho, nesta quarta-feira, em sua entrevista de despedida, na Cidade do Galo.

Mas, se engana quem pense que isso é um adeus. Pelo menos é o que afirma o jogador, que, de atleta, se tornará mais um dos milhões de torcedores que compõe a fanática Massa alvinegra.

“Pra essa criançada e a torcida do Galo, não é um adeus, é um 'até breve'. Vou continuar vindo aqui, visitando meus amigos. Estou deixando muita gente aqui que conheci. A torcida do Galo pra mim é eterna. E vou com eles até o fim. Este é 'um até breve'”, disse R10.

Ronaldinho sai pela porta da frente, tendo faturado os títulos da Libertadores e do Mineiro de 2013, e a Recopa de 2014.

“Quando fechou o ciclo, conquistando o titulo (da Recopa), fechou-se uma etapa. Saio sorrindo, feliz, com a cabeça erguida, com aquilo que pretendia pelo clube. Também queria ganhar o Brasileiro e o Mundial. Mas não deu. Porém, tive muitos momentos de alegria aqui.  Fico feliz de entrar para história deste clube”, afirmou.

Leia tudo sobre: atléticogalodespedidaronaldinhoadeus