Após ter filho, Jaqueline exalta volta ao Grand Prix

Sobre o retorno, ponteira admitiu que teve dificuldade em recuperar a forma física, mas exaltou o apoio do técnico José Roberto Guimarães e das companheiras

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Divulgação/FIVB
undefined

Após um ano afastada, para realizar o sonho de ser mãe, a bicampeã olímpica Jaqueline voltou a figurar nas convocações para a seleção brasileira de vôlei e está no grupo que se prepara para o Grand Prix. Feliz com o retorno, ela só pensa na estreia da competição, diante da China, nesta sexta-feira, na Itália.

“O Grand Prix será a nossa preparação para o Mundial. Todo o meu esforço tem sido para ajudar a equipe. Temos tudo para disputar boas partidas e já teremos uma estreia difícil com a China, mas estamos bem preparadas”, declarou, já pensando também na competição que começará no fim de setembro, também na Itália.

Sobre o retorno, Jaqueline admitiu que teve dificuldade em recuperar a forma física, mas exaltou o apoio do técnico José Roberto Guimarães e das companheiras. “O mais difícil foi recuperar minha forma física. No entanto, estou muito feliz em retornar e contribuir com o grupo. O Zé e as jogadoras estão tendo muita paciência comigo e têm me dado muita força. Isso está sendo importante para voltar a ser a Jaque de antes”.

Se voltará a disputar o Grand Prix após um ano, a jogadora já atuou em outra competição pela seleção neste ano: o Torneio de Montreux, em maio. Para ela, o retorno em um campeonato de menor expressão foi fundamental.

“Foi muito bom voltar a representar o Brasil. Tive algumas oportunidades de entrar em quadra e ajudar a seleção. Fiquei muito contente em ver que o Zé tem confiança no meu trabalho. Gostei do meu desempenho, mas sei que preciso melhorar para conseguir meus objetivos”, disse.

Leia tudo sobre: ponteirajaquelinecelebravoltaseleçãogrand prix