Morre o presidente da AFA, Julio Grondona

Dirigente argentino sofria de problemas cardíacos. Ele comandava a federação argentina desde 1979

iG Minas Gerais |

DIVULGAÇÃO/AFA
undefined

O presidente da AFA (Associação de Futebol Argentino), Julio Grondona, morreu na manhã desta quarta-feira. Ele estava internado em um hospital de Buenos Aires, vítima de problemas cardíacos. O dirigente faleceu aos 82 anos. Grondona estava no comando do futebol argentino desde de 1979. 

Na noite da última terça-feira, o cartola sentiu fortes dores no peito e foi levado ao hospital Sanatório Mitre. Chegou a passar por uma intervenção cirúrgica por causa de um aneurisma na aorta, mas não resistiu. 

O dirigente estava no seu nono mandato e chegou a anunciar que se aposentadoria em 2015. O filho dele, Humberto Grondona, é apontado como um dos sucessores do cargo. A morte ocorre no mesmo dia em que o mandatário oficializaria a saída do técnico Alejandro Sabella do comando da seleção da Argentina. 

Leia tudo sobre: Julio GrondonaargentinafutebolmortelutopresidenteAFA