Tardelli rechaça condição de líder: "temos de dividir a missão"

Apesar de ídolo da Massa Alvinegra, jogador acredita que toda a equipe tem o dever de guiar o time

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Tardelli é um dos destaques do Galo e se tornou protagonista no Brasileirão
DENILTON DIAS/O TEMPO
Tardelli é um dos destaques do Galo e se tornou protagonista no Brasileirão

Com a saída do ídolo Ronaldinho Gaúcho, um novo questionamento paira sobre a cidade a Cidade do Galo: Quem vai assumir "o lugar" do craque e líder do time? Para substituir um ídolo, nada melhor do que outro, e é aí que surge o nome de Diego Tardelli. O atacante, no entanto, rechaça o rótulo e afirma que o time, como um todo, tem de dividir essa missão. "Não me vejo dessa forma. No grupo tem grandes líderes, e acho que cada um tem de dividir essa responsabilidade. Claro que sei da importância que tenho para a torcida, mas é continuar fazendo o que venho fazendo", destacou o atacante, que, na última segunda-feira, publicou uma mensagem nas redes sociais em homenagem a R10. "MANO, que Honra poder jogar ao seu lado, poder conviver 1 ano e meio com vc!! Pessoa do bem, simplicidade em pessoa, um coração enorme!! Te desejo tudo de bom sempre, vc é o numero1. #souteufãsempre #obrigado #gênio”, escreveu Tardelli, em sua conta no Instagram. É inevitável, no entanto, não associar o jogador, também ídolo, à condição de líder da equipe, principalmente pela identificação de longa data que já existe entre Tardelli e a torcida do Atlético. No último dia 24 de julho, o atacante marcou o seu centésimo gol pelo clube alvinegro, na partida que deu ao Galo o título internacional da Recopa.

Leia tudo sobre: tardellicraquecondiçaotimesaidaronaldinho gauchoatleticolider