Com Pato, São Paulo tem chance de dar a volta por cima

Duelo servirá também como oportunidade para o atacante dar sua resposta em campo e mostrar que a confiança depositada nele não foi em vão

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Duas derrotas seguidas, com atuações ruins, e muitos desfalques. Não serão pequenas as barreiras a serem superadas pelo São Paulo, nesta quarta-feira, quando enfrenta o Bragantino, a partir das 22 horas, em Ribeirão Preto, no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. E, para deixar esses problemas para trás, o time aposta suas fichas em um herói improvável: Alexandre Pato. O atacante terá, provavelmente, sua última chance de mostrar serviço para o técnico Muricy Ramalho e não cair de vez na vala dos esquecidos.

Pato, na verdade, não vai jogar por méritos próprios. Ele conseguiu seu lugar no time porque Luis Fabiano continua machucado, Alan Kardec já defendeu o Palmeiras na competição e Osvaldo virou desfalque após sofrer uma pancada no quadril. Competindo apenas com Ewandro, o badalado atacante ganhou a posição e fará dupla com Ademilson.

A vida de Pato não tem sido fácil desde a pausa para a Copa do Mundo. Primeiro, perdeu o lugar para o contestado Ademilson. Depois, ouviu de Muricy que "só talento não basta" para se garantir na equipe e que ele precisa ser mais aplicado. Agora, vê cair em seu colo uma oportunidade para evitar que a passagem pelo Morumbi seja mais um fiasco em sua curta carreira.

Será uma espécie de reencontro com o destino. Pato chegou ao São Paulo emprestado pelo Corinthians e estreou justamente na Copa do Brasil, contra o CSA (0 a 0). No jogo de volta, marcou seu primeiro gol pelo clube e comemorou de forma efusiva. Parecia que os dias de sonolência vividos no rival tinham acabado. Pelo menos até o momento, não foi o que se viu.

Assim, Pato terá, nesta quarta-feira, a chance de dar sua resposta em campo e mostrar que a confiança depositada pelos são-paulinos nele não foi em vão.

PROBLEMAS - Além de torcer para que Pato dê conta do recado, Muricy sabe que precisa encontrar uma forma de fazer o time voltar a ser eficiente, após duas atuações fracas no Brasileirão - derrotas para Chapecoense e Goiás.

O técnico tem sido poupado de críticas, mas um novo tropeço provavelmente fará com que Muricy comece a ser questionado pelos torcedores. Os jogadores, por outro lado, admitem que estão devendo e esperam finalmente pagar a dívida.

"Temos a consciência de que não podemos perder mais e que precisamos dar uma resposta forte. Somos um clube grande e eu, como os outros jogadores, vim para cá para ganhar títulos", afirmou Alvaro Pereira. Para que o sonho do lateral uruguaio continue vivo, será preciso voltar a vencer o quanto antes. E nada melhor do que ter pela frente o Bragantino, atualmente na vice-lanterna da Série B.

Leia tudo sobre: patosao paulocopa do brasilvoltacima