Liminar na Justiça mantém eleição no Vasco em agosto

Pleito será concorrido pelo atual presidente Roberto Dinamite, além de Eurico Miranda e Roberto Monteiro

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Roberto Dinamite é presidente do Vasco desde junho de 2008
Divulgação/Vasco
Roberto Dinamite é presidente do Vasco desde junho de 2008

Uma decisão da 19ª Vara Cível do Rio de Janeiro nesta terça-feira manteve as eleições para presidente do Vasco no dia 6 de agosto, apesar da mudança definida pelo presidente da Assembleia Geral do clube, na segunda.

A eleição estava marcada inicialmente para 6 de agosto, mas por decisão de Olavo Monteiro de Carvalho, presidente da Assembleia Geral, havia sido adiada para 11 de novembro. A mudança irritara dois candidatos da oposição, Eurico Miranda e Roberto Monteiro - na situação, Roberto Dinamite tenta se reeleger.

Insatisfeito, Eurico Miranda, da chapa "Volta Vasco! Volta Eurico!", acionou a Justiça e obteve a liminar para manter a eleição na data prevista inicialmente. A decisão foi tomada pela juíza Ana Lucia Vieira de Castro, que anunciou multa de R$ 100 mil para o caso de a liminar ser descumprida.

Leia tudo sobre: vascoeleiçõespolicitadinamiteeurico miranda