Mulheres são maioria no eleitorado mineiro

De acordo com o TSE, cerca de 51,54% do total de eleitores são do sexo feminino; número de jovens é reduzido

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Cartório programou horário especial de atendimento para suprir a demanda
João Lêus
Cartório programou horário especial de atendimento para suprir a demanda

A Justiça Eleitoral divulgou nesta terça-feira (29) os dados atualizados do eleitorado do país. Em Minas são 15.248.681 eleitores, o que corresponde a 10,67% do eleitorado do país (142.467.862). Em relação às Eleições 2012, o eleitorado de Minas aumentou em quase 250 mil eleitores, permanecendo como o segundo eleitorado do País. As estatísticas podem ser acessadas no site do TSE. O eleitorado mineiro continua constituído por maioria de mulheres, tendo atingido para as Eleições 2014 o quantitativo de 7.860.103 (51,54%), e os homens, 7.374.048 (48,35%). A diferença em relação à quantidade de homens chega a quase 500 mil eleitoras a mais. Os dez municípios com os maiores eleitorados em Minas são: Belo Horizonte com 1.911.142 eleitores, Uberlândia com 462.813 eleitores, Contagem com 443.587 eleitores, Juiz de Fora com 392.619 eleitores, Betim com 267.389 eleitores, Montes Claros        com 255.073 eleitores, Uberaba com 219.111 eleitores, Governador Valadares com 201.709 eleitores, Ribeirão das Neves com 185.447 eleitores e Ipatinga com 181.353 eleitores. O município com menor eleitorado continua sendo Serra da Saudade (Oeste de Minas), com 1.105 eleitores. Em Minas, 491.045 eleitores (3,22%) vão participar de eleições biométricas nos 26 municípios que já efetuaram o recadastramento biométrico de seus eleitores. Em 2012, 302.263 eleitores votaram biometricamente, o que correspondia a 2,01% do eleitorado à época. As estatísticas do eleitorado que de fato vai votar pode sofrer alterações devido à opção pelo voto em trânsito. O prazo para cadastramento para o voto em trânsito está aberto até o dia 21 de agosto. Idade do eleitorado Entre os dados estatísticos, chama atenção a diminuição do eleitorado entre 16 e 17 anos em Minas. Em 2010, o eleitorado jovem com voto facultativo alcançou quase 250 mil, e, em 2012 (eleição municipal), a quase 290 mil. Em 2014, eles são menos da metade de 2012: 139.643 eleitores. Em Belo Horizonte, também houve diminuição de jovens eleitores entre 16 e 17 anos. Em 2010, na Capital, participaram das eleições 15.075; em 2012, 13.065 jovens; e, em 2014, estão cadastrados 11.960. Entretanto, essa diminuição não acompanhou o percentual do Estado. De acordo com o TSE, essa alteração se deve ao fato de o fechamento total do cadastro deste ano considerar a data da eleição. Ou seja, em anos anteriores, o cadastro era fechado no dia 30 de junho e não considerava aqueles eleitores que completariam 18 anos até a data da eleição. Neste ano, um novo software permitiu a contagem incluindo o dia da eleição. Portanto, aquele eleitor que vai fazer 18 anos nesse meio tempo até o dia da eleição já não está contabilizado nesse dado estatístico de 16 e 17 anos. Em entrevista concedida na manha desta terça-feira, o presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, também destacou que o próprio Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) analisa essa diminuição no eleitorado jovem com a tendência do envelhecimento da população brasileira. Confira mais detalhes sobre a entrevista no site do TSE. A faixa etária que concentra o maior eleitorado em Minas é entre 45 e 59 anos: 3.731.833 eleitores, seguida pela faixa entre 25 e 34 anos, com 3.415.004 eleitores. Já o eleitorado com idade entre 70 e 79 anos aumentou no Estado. Em 2012, correspondia a 5,17% do eleitorado (776.981 eleitores) e, em 2014 alcançou o percentual de 5,48% (836.294 eleitores). Outro dado que surpreende é o eleitorado com idade superior a 79 anos que atinge quase 500 mil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave