Lesão tira judoca brasileira do Mundial na Rússia

Mariana Barros foi cortada da competição após machucar o ombro esquerdo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A equipe brasileira que vai à Rússia disputar o Mundial de judô sofreu uma importante baixa. Melhor atleta do país na categoria meio-médio, Mariana Barros foi cortada da competição por conta de uma lesão no ombro esquerdo. Ela terá de passar por cirurgia no próximo dia 8 e por isso não terá condições de viajar para Chelyabinsk, sede do evento.

Para a vaga deixada por Mariana Barros, foi convocada Mariana Silva, segunda melhor brasileira no ranking da categoria, na 21ª posição. Surpresa com a oportunidade, ela celebrou a participação no Mundial, mas lamentou que a convocação tenha sido resultado da lesão de uma colega.

“Eu não esperava de maneira nenhuma ser convocada, porque a Mari está melhor do que eu no ranking. Infelizmente, a convocação veio dessa maneira. Agora, quero aproveitar essa oportunidade, dar o meu melhor e fazer a diferença no Mundial", declarou ao site da Confederação Brasileira de Judô (CBJ).

Em 2014, Mariana Silva conquistou o ouro no Aberto Pan-Americano de Buenos Aires, a prata no Aberto Europeu de Roma e o bronze no Aberto Pan-Americano de Montevidéu. Ela embarcará junto com a delegação para a aclimatação em Paris no dia 13 de agosto. Somente no dia 21, os atletas e a comissão técnica vão para Chelyabinsk.

Leia tudo sobre: judocabrasileiralesaoforamundial