“As redes são fundamentais para um voto ideológico”

Marcelo Aro Vereador e candidato a deputado federal

iG Minas Gerais |

Você foi eleito o vereador mais novo da história de Belo Horizonte em 2012 e, agora, tenta vaga na Câmara Federal. O que te motivou a entrar na política?  

O que mais me motiva e que motivou quando eu comecei minha trajetória política foi entender que eu podia passar de leitor para autor da história. Não tenho parentesco com ninguém na política. O que me move é a vontade de mudança. O jovem não pode parar só na manifestação, tem que dar um passo além e esse passo é participar das eleições, se candidatar, cobrar de quem está lá.

Quais as principais bandeiras que você vai levar à Câmara, se eleito?

Eu tenho três que quero defender: segurança, educação e desenvolvimento econômico. Além disso, a conduta ética.

E as propostas para a juventude?

Esses três pontos atendem à demanda do jovem. Precisamos de educação de qualidade e de um parlamentar que tenha propostas. Os modelos que dão certo em outros países têm que ser trazidos para cá. Por exemplo, na educação, a Finlândia é o melhor do mundo. O modelo lá é o de ensino integral. Precisamos trazer isso para o Brasil. A juventude hoje também está insegura. O Brasil hoje é um dos países mais violentos do mundo. E no caso do desenvolvimento econômico, o jovem quer estudar, ter seu emprego. O mercado de trabalho não está acessível, as políticas não são favoráveis. Precisamos de um parlamentar que entenda isso para cobrar as mudanças.

Seu eleitorado é formado por jovens?

Eu diria que 70% dos meus votos vieram da juventude. É claro que não dá para precisar, mas, pelo retorno que eu tenho, é da juventude.

E como é o contato com esse eleitor?

As redes sociais, hoje, são fundamentais para quem quer ter um voto ideológico. Eu mesmo faço meu Facebook, Instagram, Twitter, respondo aos e-mails. É preciso estreitar o laço entre representante e representado. Eu tenho uma iniciativa inédita no Brasil que é o gabinete móvel. Todo fim de semana, eu escolho quatro bairros e atendo a comunidade, presto contas do mandato, e os moradores chegam com suas demandas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave