Soldado do exército morre em acidente a caminho da Escola de Sargentos

Outro militar, que também estava no veículo, ficou ferido; neblina pode ter causado a batida fatal

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Carro do militar ficou completamente destruído após a batida
Corpo de Bombeiros/Divulgação
Carro do militar ficou completamente destruído após a batida

A neblina pode ter sido a causa do acidente que matou, na manhã desta segunda-feira (28), um soldado da Escola de Sargentos das Armas (EsSA) de Três Corações, no Sul de Minas Gerais. O militar do exército saiu da pista e bateu de frente com um caminhão que transportava macarrão na MG-167, quando chegava na entrada da cidade. 

Segundo as informações do Corpo de Bombeiros, Fabrício Maciel Lemos, de 19 anos, dirigia seu Volkswagen Gol quando perdeu o controle em uma curva, invadiu a outra pista e se chocou contra o caminhão. Ele e o colega também militar Rafael Luis de Souza, também de 19 anos, saíram de Caxambu, na mesma região, para assistirem à aula na cidade vizinha. 

Ainda conforme a corporação, o condutor do caminhão, que não ficou ferido, relatou que na hora do acidente, por volta das 7h15, não chovia, mas havia muita neblina na pista, o que pode ter causado a batida. O militar morreu na hora. Já o outro soldado sofreu ferimentos no pé esquerdo e na cabeça e foi socorrido ao Hospital São Sebastião.

O passageiro do caminhão, de 24 anos, sofreu uma contusão no ombro e também foi socorrido para a mesma unidade de saúde. O corpo de Lemos foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Três Corações. 

Leia tudo sobre: acidentemilitarexércitoescolabatidamg-167tragédiasargentotrês corações