Exemplo que vem de Munique

Desde que foi inaugurado, em 2005, estádio já recebeu mais de 9,5 milhões de pessoas

iG Minas Gerais | Igor Veiga |

Majestoso. Allianz Arena, que muda de cor conforme o mandante da partida, foi construída pelo governo, mas foi repassada ao Bayern
OSWALDO RAMOS
Majestoso. Allianz Arena, que muda de cor conforme o mandante da partida, foi construída pelo governo, mas foi repassada ao Bayern

Um dos 12 estádios da Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, a Allianz Arena, casa do Bayern de Munique, é um bom exemplo do que o futebol brasileiro pode e deveria aprender sobre gestão com um dos maiores clubes da Europa. Além de multicampeão, não por acaso o Bayern forma a base da seleção alemã campeã da Copa de 2014 no Brasil. Munique, Alemanha.

O estádio bávaro é a prova cabal de que, quando uma arena de futebol é feita com planejamento adequado e tem uma gestão competente, se transforma em modelo, como a reportagem de O TEMPO pôde constatar em um tour pelo “Barco Inflável” (ou Schlauchboot, em alemão), apelido que o estádio ganhou por conta de seu formato externo. Construída de 2002 a 2005, a Allianz Arena pertence ao Bayern de Munique desde abril de 2006.

Desde quando foi inaugurado, em 2005, mais de 9,5 milhões de pessoas passaram pelo estádio em jogos oficiais do Bayern de Munique e do TSV 1860 de Munique, time da Segunda Divisão do futebol alemão, que também tem o estádio como casa. Segundo as estatísticas do clube, desse total, 1,4 milhão foram de visitantes da arena em dias em que não há partidas. São turistas que chegam de todas as partes do mundo a fim de conhecer de perto um dos estádios mais imponentes do planeta.

No tour pela arena, é possível perceber a dimensão da grandeza do clube e entender um pouco como o Bayern, dono da quinta maior torcida da Europa, consegue transformar a paixão e o fanatismo pelo futebol em retorno financeiro e em seguidos títulos nacionais, além de se destacar nos maiores torneios do Velho Continente.

Se a Allianz Arena chama a atenção já pelo lado de fora, a estrutura interna é mais impressionante ainda. São sete andares, com três níveis de arquibancadas, e uma capacidade para 69 mil pessoas.

Estratégia. Dentro do estádio, existe uma megaloja oficial do Bayern de Munique, a fan-shop. Um verdadeiro shopping do clube, que vende de tudo que um amante do futebol possa imaginar. Desde o óbvio, como camisas e agasalhos oficiais do clube, até régua de pedreiro, artigos de cama, mesa e banho, moda kids e feminina. Não é autorizado fotografar a loja, mas acreditem, vendem até catchup e chocolate do Bayern por lá.

Vale lembrar que essa é apenas uma das nove fan-shops da equipe bávara espalhadas pela Alemanha, fora o portal online. “Fica sempre cheia a loja. É sempre assim o movimento, mesmo quando não tem jogo”, explicou uma das dezenas de vendedoras da fan-shop, que falava bem inglês.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave