País terá 400 mil vagas a menos no ano

iG Minas Gerais |

A revisão das projeções de crescimento para baixo divulgadas pelas entidades já teve reflexos no mercado de trabalho. Ao divulgar os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de junho, o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, fez uma outra previsão para a criação de vagas em 2014. Ele disse que a nova projeção é de 1 milhão de novas vagas, número inferior ao esperado até o mês anterior, 1,4 milhão.

Somente em junho, foram gerados no país 25.363 empregos, conforme dados do Caged. O resultado é o menor para o mês nos últimos 16 anos. Em junho de 2013, o saldo de vagas foi bem maior, 123.836. A queda foi de quase 80%.

Na indústria, em Minas Gerais, emprego apresentou recuo pelo 14º mês sucessivo, segundo a última sondagem da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg). O indicador marcou 44,6 pontos em junho, que foi o menor valor desde em janeiro de 2011.(QA/JG)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave