Loira em sinal de alerta

No ar como a misteriosa Bárbara em “Vitória”, Liége Müller enaltece a mensagem social de seu papel na trama

iG Minas Gerais | Belisa Taam |

Meu papel atual é muito difícil de compor, sem dúvida. Ainda mais por estar em um núcleo tão intenso como o dos neonazistas”
Jorge Rodrigues Jorge/CZN
Meu papel atual é muito difícil de compor, sem dúvida. Ainda mais por estar em um núcleo tão intenso como o dos neonazistas”

O perfil de boa moça e a voz serena de Liége Müller se contrastam com o seu momento atual na dramaturgia. A atriz vê na misteriosa Bárbara, que integra o núcleo de neonazistas de “Vitória”, a chance ideal para alertar o telespectador contra o preconceito em diferentes proporções. “É um tema polêmico e ousado, mas quase não vemos na televisão. É importante abordar, pois muitas coisas acontecem e ficam por baixo dos panos”, avalia ela, que reencontra o texto de Cristianne Fridman após viver Stella, uma dependente química de “Vidas em Jogo”, em 2011. “São dois papéis intensos, o que é ótimo para meu crescimento profissional”, acredita a atriz.

Na história, Bárbara demonstra receio quando a líder Priscila, de Juliana Silveira, planeja novos ataques contra nordestinos, homossexuais e negros. O que se justifica nas próximas cenas, já que a personagem revela ser membro da polícia para Tadeu e Alex, vividos por Leonardo Vieira e Henrique Ramiro. “Bárbara é sempre o contraponto do grupo. Poderia ser a pior com sangue frio ou uma infiltrada mesmo”, opina.

 

Preferência

Nascimento: 23 de maio de 1985, em Agudo, no Rio Grande do Sul.  Ator: André Di Mauro.  Atriz: Fernanda Montenegro.  Com quem gostaria de contracenar: Fernanda Montenegro.  Humorista: Zacarias.  Se não fosse atriz, o que seria: administradora.  Novela preferida: “Vidas em Jogo”, de Cristianne Fridman, exibida pela Record em 2011. Que novela gostaria que fosse reprisada: “Chamas da Vida”. Livro: “Tenho um livro de interpretação da Stella Adler que adoro e sempre está por perto”. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave