Bahia monta esquema ofensivo para receber Internacional

Time baiano terá uma postura mais ofensiva para enfrentar o Inter neste sábado, a partir das 21 horas, na Arena Fonte Nova, em Salvador

iG Minas Gerais | Agência Estado |

É provável que o time titular tenha três atacantes, com o retorno de Rhayner, recuperado de uma lesão, e a estreia de Kieza
Esporte Clube Bahia Oficial/reprodução
É provável que o time titular tenha três atacantes, com o retorno de Rhayner, recuperado de uma lesão, e a estreia de Kieza

Por causa dos recentes maus resultados, tanto no Campeonato Brasileiro, no qual não vence há oito rodadas, quanto na Copa do Brasil - foi derrotado por 3 a 0 pelo Corinthians, na partida de ida da terceira fase, última na quarta-feira -, o técnico Marquinhos Santos resolveu colocar o Bahia no ataque. Assim, o time baiano terá uma postura mais ofensiva para enfrentar o Inter neste sábado, a partir das 21 horas, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Sem poder contar com três de seus titulares, o atacante Maxi Biancucchi, que está com amidalite, o zagueiro Demerson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e o meia-atacante Marcos Aurélio, que tem restrição contratual por estar emprestado pelo Inter, Marquinhos Santos preferiu fechar o treino desta sexta-feira, no qual definiu a equipe que vai a campo. Apesar do mistério, é provável que o time titular tenha três atacantes, com o retorno de Rhayner, recuperado de uma lesão, e a estreia de Kieza, que teve a contratação regularizada e treinou no time principal, jogando ao lado de Henrique na linha de frente. Mas Marquinhos Santos deixou algumas dúvidas. Na lateral esquerda, Guilherme Santos, titular nas últimas partidas, tem a vaga ameaçada por Pará. E no meio, o técnico não deu pistas se pretende escalar três volantes, compondo o setor com Uelliton, Fahel e Léo Gago, ou se escala um meia para abastecer os atacantes - no segundo caso, o mais cotado é Branquinho.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave