América tropeça e perde chance de voltar ao topo da Série B

Jogando na Arena das Dunas, palco de jogos da Copa do Mundo, Coelho foi batido pelo América-RN pelo placar mínimo

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

RN - SÉRIE B/AMÉRICA RN E AMÉRICA MG - ESPORTES - O jogador Obina do América MG durante a partida entre América RN e América MG válida pela Série B do Campeonato Brasileiro 2014 no Estádio Arena das Dunas em Natal (RN), nesta sexta-feira (25). 25/07/2014 - Foto: FRANKIE MARCONE/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
FRANKIE MARCONE/FUTURA PRESS/EST
RN - SÉRIE B/AMÉRICA RN E AMÉRICA MG - ESPORTES - O jogador Obina do América MG durante a partida entre América RN e América MG válida pela Série B do Campeonato Brasileiro 2014 no Estádio Arena das Dunas em Natal (RN), nesta sexta-feira (25). 25/07/2014 - Foto: FRANKIE MARCONE/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O América perdeu de 1 a 0 para o América-RN nesta noite, na Arena das Dunas, em Natal, e desperdiçou a chance de chegar à liderança da Série B. O resultado acabou com a sequência de duas vitórias seguidas do  Coelho na competição e aumentou para  quatro jogos a série sem vitórias do time atuando como visitante. O alviverde não vence fora de casa há mais de dois meses e meio e hoje, no complemento da 13ª rodada, pode cair até para o terceiro lugar. Jogando fora de casa e preocupado com o forte ataque do América-RN, o técnico Moacir Júnior optou por escalar um meio campo mais cauteloso, com a entrada do volante Thiago Santos no lugar do meia Tchô. Com essa formação, a proposta do Coelho era a de marcar a saída de bola do xará potiguar para tentar o gol nos contra-ataques. O América criou mais chances de gol no primeiro tempo, principalmente  em finalizações do meia Willians,  do atacante Obina e do volante Andrei, que cabeceou uma bola no travessão. Mas foi o América-RN que acabou abrindo o placar aos 36 min. O lateral Marcelinho cruzou da direita e o atacante Rodrigo Pimpão desviou sem chances para o goleiro Fernando Leal. O América voltou para a etapa complementar com uma proposta de tentar  pressionar o América-RN em seu campo defensivo.  Com uma marcação eficiente e sem dar espaços, a  equipe potiguar tinha uma proposta de tentar ampliar a vantagem nos contra-ataques. Foi do atacante Obina uma das melhores chances do alviverde conseguir o empate. Ele finalizou  de dentro da área e o goleiro  Fernando Henrique fez grande defesa. O técnico Moacir Júnior ainda tentou melhorar o time com a entrada de Tchô no lugar de Thiago Santos e do atacante Júnior Negão na vaga do meia Mancini, mas o Coelho não conseguiu o gol da igualdade. O América-RN ainda teve uma chance de ampliar nos minutos finais em uma finalização do meia Jéferson, mas o goleiro Fernando Leal evitou a igualdade.

Leia tudo sobre: americacoelhoserie barena das dunasfutebol