Jovens mortos após perseguição no Anel Rodoviário foram identificados

Investigação da Polícia Civil ainda está no início e ainda não há informações sobre o que teria motivado a execução

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

GERAL - BELO HORIZONTE - MG. PERSSEGUICAO POLICIAL TERMINA COM TRES MORTOS E FERIDOS NO ANEL RODOVIARIO NO VIADUTO SAO FRANCISCO EM BELO HORIZONTE. MOISES SILVA / O TEMPO 24.07.2014
MOISES SILVA / O TEMPO
GERAL - BELO HORIZONTE - MG. PERSSEGUICAO POLICIAL TERMINA COM TRES MORTOS E FERIDOS NO ANEL RODOVIARIO NO VIADUTO SAO FRANCISCO EM BELO HORIZONTE. MOISES SILVA / O TEMPO 24.07.2014

Já foram identificados os três rapazes que foram assassinados na noite de quinta-feira (24) no Anel Rodoviário de Belo Horizonte, no bairro São Francisco, região da Pampulha. Conforme a Polícia Civil (PC), ainda não há novidades sobre a autoria ou motivação do crime. 

As vítimas são Warley Santos, de 26 anos, Átila Esteve Ferreira, de 20, e Tadeu Jonathan Rosa Gonzaga, de 22. Ainda conforme a assessoria da PC, ainda não há informações se os mortos tinham passagem pela polícia e nem se o carro em que estavam estava regular.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios Noroeste, sob comando do delegado Rodrigo Bossi. "O inquérito já foi instaurado e a nossa equipe já está fazendo os levantamentos iniciais. Por enquanto ainda não temos informações precisas sobre o que teria motivado o crime", disse o policial por telefone. 

Os três foram mortos e outras duas pessoas ficaram feridas após serem perseguidos por um outro carro e uma motocicleta. A perseguição teve início por volta 20h15 na altura do Shopping Del Rey, onde o tráfego estava lento e os carros envolvidos avançavam em zigue-zague.

Na altura do viaduto São Francisco, depois de ser atingido nas costas, o motorista do Honda Fit perdeu o controle e capotou, momento em que um dos ocupantes do Pálio desceu e efetuou os disparos em direção aos desafetos. O outro envolvido estava em uma motocicleta Falcon laranja e também teria atirado contra os ocupantes do Honda.

Ainda segundo a PM, cartuchos de diversos calibres foram encontrados no local do acidente. Os feridos, Arlesson Oliveira Silva, de 35 anos, e Everton Antônio Tavares, de 21, foram retirados das ferragens pelos Bombeiros e levados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até o Hospital João XXIII. O estado de saúde ambos é considerado estável, apesar de Tavares estar no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). 

Leia tudo sobre: FERIDOSBALEADOSANEL RODOVIÁRIOPERSEGUIÇÃO