Bellucci perde e dá adeus ao sonho do tri em Gstaad

Tenista número 1 do Brasil caiu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/1) e 6/1

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Duas vezes campeão do Torneio de Gstaad, onde levou o título em 2009 e 2012, Thomaz Bellucci deu adeus ao sonho do tricampeonato no ATP 250 suíço ao ser derrotado pelo argentino Juan Monaco, nesta sexta-feira. O tenista número 1 do Brasil caiu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/1) e 6/1, e foi eliminado nas quartas de final.

O 93º colocado do ranking mundial vinha embalado por duas vitórias em Gstaad, mas acabou sucumbindo diante do atual 105º tenista do mundo, que se credenciou para jogar as semifinais diante do vencedor do confronto entre o russo Mikhail Youzhny, cabeça de chave número 1 do torneio, e o holandês Robin Haase.

Bellucci iniciou o confronto desta sexta defendendo retrospecto positivo diante de Monaco, derrotado em dois dos três confrontos anteriores que travou com o brasileiro. Porém, caiu muito de rendimento no segundo set, após perder a primeira parcial no tie-break, e não conseguiu fazer valer o seu melhor ranking no duelo.

Neste jogo diante de Monaco, cada tenista conseguiu uma quebra de saque no primeiro set e a disputa foi ao tie-break, no qual o argentino foi muito superior ao fazer 7/1. Em seguida, desta vez sem conseguir ameaçar o serviço do rival por nenhuma vez, Bellucci ainda viu seu adversário converter três de sete break points para liquidar a fatura em 6/1.

Em outro jogo já encerrado nesta sexta-feira e válido ainda pela segunda rodada em Gstaad, o espanhol Fernando Verdasco, quarto cabeça de chave, derrotou o alemão Jan-Lennard por 2 sets a 1, de virada, com 3/6, 6/3 e 7/6 (7/3), e avançou às quartas de final. Ainda nesta sexta, Verdasco terá de voltar à quadra para lutar por uma vaga na semifinal em partida diante do sérvio Viktor Troicki.

Leia tudo sobre: bellucciperdetenisadeusgstaad