Só 8,9% das vagas preenchidas

De 269 mil postos ofertados, apenas 24 mil foram efetivados do 1º semestre deste ano em Minas

iG Minas Gerais | ludmila pizarro |

Vagas. Postos do Sine em MG ofertaram no primeiro semestre cerca de 270 mil vagas
VICTOR SCHWANER / O TEMPO
Vagas. Postos do Sine em MG ofertaram no primeiro semestre cerca de 270 mil vagas

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) divulgou nesta quinta 496 oportunidades de trabalho para Belo Horizonte. São propostas para vários níveis de escolaridade, até ensino médio e técnico. Delas, 292 não exigem experiência. O Sine encaminha trabalhadores para essas e outras vagas, mas, na maioria das vezes, o trabalhador não preenche a vaga.

No primeiro semestre de 2014, em Minas Gerais, 269.568 trabalhadores foram encaminhados a postos de trabalho via Sine e destes, apenas 24.843 foram contratados com carteira assinada pelas empresas. Esse número mostra que apenas 8,9% dos encaminhados pelo Sine realmente ficam na nova colocação. Essa realidade já vem sendo observada há mais tempo. Em 2013, no mesmo período, o índice foi ainda menor. Foram 296.031 encaminhados e 23.026 contratados – índice de 7,8% de aproveitamento de vagas. “O número real é maior do que o oficial porque às vezes o empregador contrata, mas não envia a documentação correta ao Sine. Mas, realmente, esse número não passa de 10%”, declara Lara Valadares, gerente do convênio do Sine em Minas Gerais. Para a gestora, a contratação não acontece porque falta capacitação para o candidato. “Muitas vezes falta uma formação adequada”, ressalta. Ela diz que, por essa razão, o Sine também oferece cursos para auxiliar o trabalhador. “Encaminhamos para cursos também para aumentar a chance de arrumar um emprego. Isso porque quanto mais tempo passa, mais difícil fica a recolocação”, explica Valadares. Entre os serviços de qualificação, ela cita o Competências Básicas, que é um curso introdutório que ensina a fazer o currículo e como se comportar em uma entrevista de emprego. “Parece simples, mas para quem está no começo faz muita diferença”, afirma. Desemprego. Na região metropolitana de Belo Horizonte, o índice de desemprego de junho (7,8%) caiu em relação a maio, cujo percentual foi de 8,1%. Para Gabrielle Selani, coordenadora do Dieese da Pesquisa de Emprego e Desemprego na RMBH, o índice da região está dentro do esperado. 

Oportunidade Especiais. Entre as 496 vagas divulgadas nesta quinta pelo Sine, 126 aceitam candidatos com necessidades especiais e quatro delas são exclusivas para trabalhadores com alguma deficiência.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave