Idosa é presa pela PF tentando fraudar o INSS

Esta foi a segunda tentativa seguida da senhora utilizando uma declaração falsa da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Uma senhora de 62 anos foi presa pela Polícia Federal (PF), na manhã desta quinta-feira (24), no momento em que tentava obter benefício previdenciário usando documentos falsos, em uma agência do INSS em Belo Horizonte. A identidade da presa e o local exato de sua prisão não foram informados pela corporação.

Ainda de acordo com as informações divulgadas pela PF, a suspeita já havia requerido aposentadoria por tempo de serviço em dezembro de 2008, sendo que o benefício foi negado por insuficiência de tempo de contribuição. Em janeiro deste ano ela voltou a procurar o INSS pedindo aposentadoria por idade, tendo apresentado, porém, declarações falsas em nome da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). 

Após análise dos documentos, a fraude foi descoberta e o pedido de aposentadoria da suspeita negado mais uma vez. Na manhã desta quinta, a idosa retornou ao INSS, desta vez apresentando um novo pedido, mas utilizando os mesmos documentos falsificados que da última vez, sendo presa em flagrante pela PF. 

A senhora responderá pelo crime de tentativa de estelionato em detrimento da Previdência Social, com pena que varia de um ano e quatro meses a seis anos e oito meses de prisão, reduzida de 1/3 a 2/3, em razão da forma tentada.

Leia tudo sobre: estelionatoinssidosafraudedocumentofalsopresapolícia federal