Inter suspende duas organizadas por briga de domingo

Além da suspensão às torcidas, a diretoria do Inter também decidiu punir individualmente os envolvidos na confusão

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A goleada e o bom futebol apresentado pelo Internacional no 4 a 0 diante do Flamengo, no último domingo, no Beira-Rio, não foi suficiente para evitar que torcedores do time gaúcho entrassem em confronto entre eles. Mas o entrevero não passou desapercebido pela diretoria do clube, que puniu nesta quinta-feira duas torcidas organizadas da equipe. "O Sport Club Internacional suspendeu as torcidas organizadas Guarda Popular e Nação Independente pela briga entre seus integrantes depois do jogo entre Inter x Flamengo em frente a um posto de gasolina a cerca de três quilômetros do estádio. Os integrantes das duas torcidas não poderão utilizar suas faixas, instrumentos musicais e não terão acesso ao estádio como integrantes de organizada", informou o clube em nota oficial. "A punição vale pelos próximos dois jogos no Beira-Rio", completou. Com isso, integrantes destas duas organizadas estão suspensos dos duelos diante do Ceará, quarta-feira que vem, pela terceira fase da Copa do Brasil, e do Santos, no dia 3 de agosto, pelo Campeonato Brasileiro. Além da suspensão às torcidas, a diretoria do Inter também decidiu punir individualmente os envolvidos na confusão. "Os seis associados que estavam na lista dos 11 envolvidos na briga estão excluídos do quadro social do clube. Os outros cinco envolvidos não poderão se associar ao clube mais", informou.

Leia tudo sobre: InternacionalInterSacifutebolesportes