México voltará ao calendário da Fórmula 1 em 2015

Atualmente, o país norte-americano conta com dois pilotos no grid da Fórmula 1: Sergio Pérez, da Force India, e Esteban Gutierrez, da Sauber

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

País recebeu a categoria entre 1963 e 1970 e também entre 1986 e 1992
SAUBER/REPRODUÇÃO
País recebeu a categoria entre 1963 e 1970 e também entre 1986 e 1992

O México voltará a fazer parte do calendário da Fórmula 1 a partir da temporada de 2015. O acordo foi confirmado nesta quarta-feira, garantindo a realização da etapa mexicana por pelo menos cinco anos. Antes, o país recebeu a categoria entre 1963 e 1970 e também entre 1986 e 1992.

Promotor da Fórmula 1, Bernie Ecclestone já confirmou o contrato com a Corporación Interamericana de Entretenimiento (CIE), empresa mexicana que irá organizar a corrida na Cidade do México. "Estou feliz em anunciar que chegamos a um acordo", disse o principal dirigente da categoria.

A notícia também foi comemorada pelo governo mexicano. "Entre 2015 e 2019, esperamos movimentar 2 bilhões de dólares e a geração de 18 mil empregos diretos e indiretos", afirmou a secretária de Turismo do México, Claudia Ruiz Massieu, ao comemorar a volta da Fórmula 1 ao país.

Atualmente, o México conta com dois pilotos no grid da Fórmula 1: Sergio Pérez, da Force India, e Esteban Gutierrez, da Sauber - o primeiro deles, inclusive, já conseguiu um pódio na atual temporada, ao terminar o GP do Bahrein, em abril, com a terceira colocação.

"Desde que comecei minha carreira, sonhava competir contra os melhores pilotos do mundo no Grande Prêmio do México. Por isso, correr no meu país, diante do meu torcedor, é um sonho que vai se tornar realidade. Espero que os mexicanos aproveitem e sejam bons anfitriões", comemorou Pérez.

Para receber a Fórmula 1 a partir do ano que vem, o circuito da Cidade do México, inaugurado em 1962, passará por uma reforma. "O autódromo irá sofrer modificações profundas nas instalações", revelou o presidente da CIE, Alejandro Soberón, sem dar muitos detalhes sobre as obras.

A previsão é de que o GP do México seja incluído entre as últimas etapas da temporada, mas a data ainda precisa ser confirmada pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA). Atualmente, a Fórmula 1 conta com 19 corridas, mas a quantidade para 2015 não está definida.

Leia tudo sobre: fórmula 1méxicoprovacompetição