Criança de 2 anos pode ter sido intoxicada com cocaína

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar o caso e pediu um exame definitivo para comprovar o crime; criança chegou ao hospital agitada e com olhos vermelhos

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

A polícia investiga o caso de uma menina de apenas 2 anos que teria sido intoxicada com cocaína em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ela chegou ao hospital Risoleta Neves há quase duas semanas com indícios de estar drogada, como olhos vermelhos e agitação e, nessa terça-feira (22) foi feito um exame para comprovar o crime. O resultado sai em 30 dias.

De acordo com o Conselho Tutelar da cidade, a denúncia chegou por meio do avô da criança, filha única da mãe, que seria usuária de drogas. Durante as investigações, a menina foi mandada para a casa de uma tia materna, em Belo Horizonte, onde permanece, por segurança.

O caso está com o delegado Wilson Luiz de Oliveira, que informou que o boletim de ocorrência foi  registrado no dia 12 de julho, na delegacia de plantão de Santa Luzia. Segundo ele, a mãe e o avô da criança já foram ouvidos. Na primeira consulta no Risoleta Neves, foi constatada a presença do reagente, o que significa que a menina teria cocaína no corpo.

Foi pedido outro exame definitivo e também de urina, que devem ficar prontos em 30 dias. O delegado instaurou um inquérito e o caso será enviado também a um promotor do Ministério Público de Minas Gerais. As conselheiras tutelares estão temerosas em relação ao resultado do exame já que, depois de cinco dias após o uso da droga, a substância pode não constar mais no corpo da pessoa. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave