Cristóvão testa Valencia como titular em treino do Flu

Entrada do volante no meio-campo é para recuperar poder de marcação no setor, pedido feito por alguns atletas

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Treinador espera repetir boa atuação da estreia dele no time, quando goleou o Horizonte, do Ceará, por 5 a 0
Reprodução Flickr Fluminense
Treinador espera repetir boa atuação da estreia dele no time, quando goleou o Horizonte, do Ceará, por 5 a 0

O ofensivo esquema adotado por Cristóvão Borges, sem um cabeça de área fixo, desde a volta da Copa do Mundo pode estar com os dias contados. Com a dificuldade de adaptação do Fluminense a este novo estilo de jogo, o treinador pode voltar a escalar um volante de marcação. O primeiro indício foi dado nesta quarta-feira, quando o colombiano Valencia treinou entre os titulares em um trabalho tático nas Laranjeiras.

Cristóvão comandou um treino tático com dez jogadores e sem nenhum atacante - Rafael Sóbis e Walter fizeram um trabalho de finalização separados do grupo. Com isso, ninguém precisou sair para a entrada de Valencia, mas o teste do colombiano entre os titulares indica que ele pode ganhar uma vaga para enfrentar o Atlético-PR, domingo, na Arena da Baixada, pelo Brasileirão.

Nas últimas duas partidas, o Fluminense atuou com Cícero, recém-contratado junto ao Santos, atuando como volante ao lado de Jean. Portanto, sem nenhum homem recuado no meio de campo. O novo esquema passou a exigir mais marcação dos meias e dos atacantes e Wagner chegou a admitir a dificuldade de adaptação com este novo estilo de jogo nas partidas diante do Criciúma e do Santos (derrota por 3 a 2 e vitória por 1 a 0, respectivamente).

A entrada de Valencia pode solucionar isso, mas aí Cristóvão precisará decidir quem deixa a equipe. Nesta quarta, os dez jogadores titulares do trabalho tático foram: Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Henrique e Carlinhos; Valencia, Jean, Wagner, Cícero e Conca.

Leia tudo sobre: fluminensevalenciacristovão borges