Colega tagarela é maior distração

Interrupções e distrações se desenvolvem quando um colega tagarela perde a capacidade de discernimento

iG Minas Gerais |

RIO. Profissionais que conversam muito durante o expediente são o principal fator de perturbação para os colegas no trabalho. É o que aponta pesquisa da consultoria de mobilidade de talentos Lee Hecht Harrison. O estudo feito com 848 trabalhadores norte-americanos: “O que você acha mais incômodo ou mais te distrai no trabalho?”. Quarenta e cinco por cento citaram colegas tagarelas como a grande causa de distração e interrupção no trabalho.

Vice-presidente executivo de marketing e efetividade de vendas da Lee Hecht Harrison, James Greenway reconhece que conversas no corredor ou pequenas paradas na mesa do colega para um bate-papo podem render grandes benefícios em termos de colaboração, gerando novas ideias, criando confiança e aumentando a produtividade:

“Somos criaturas sociais e nosso sucesso no trabalho depende de nossa capacidade de se comunicar. Contudo, muita conversa também pode ser um fator de distração, como mostra nossa pesquisa”, afirma Greenway.

Segundo Greenaway, interrupções e distrações se desenvolvem quando um colega tagarela perde a capacidade de discernimento, não compreende os limites e não sabe interpretar a linguagem corporal.

“Esses profissionais, em geral, não fazem ideia de como são irritantes. Eles simplesmente perdem a capacidade de reconhecer os sinais que estão aborrecendo os outros. É importante ter consciência daquilo que dizemos e fazemos. Devemos prestar atenção às dicas do ambiente e às não-verbais, e estabelecer limites de respeito ao tempo de nossos colegas de trabalho.”

Na opinião de Greenaway, cabe a cada profissional assumir a responsabilidade por seu comportamento no ambiente de trabalho e reconhecer quando suas ações irritam outras pessoas.

O que distrai

Colegas tagarelas: 45% E-mails: 18% Odores: 9% Chamadas telefônicas: 8% Barulho ambiente: 6% Design do escritório: 5% Nada: 5% Tecnologia: 4%

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave