Direção da Ferrari diz manter confiança em Raikkonen

Finlandês campeão do mundo em 2007 vem fazendo uma campanha decepcionante na temporada 2014

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Kimi Raikkonen vem fazendo uma temporada decepcionante na Fórmula 1. Em seu retorno à Ferrari, onde tinha conquistado o título da categoria em 2007, o piloto finlandês conseguiu somar apenas 19 pontos em 10 etapas disputadas - enquanto isso, seu companheiro de equipe, o espanhol Fernando Alonso, já tem 97 pontos. Apesar da fraca performance, a direção da escuderia italiana diz manter a confiança nele. Segundo o chefe de equipe, Marco Mattiacci, a Ferrari mantém "a maior confiança" em Raikkonen. "Kimi é o piloto que nós precisamos. Precisamos conseguir mais pontos, mas ele é o piloto que precisamos", disse o dirigente, descartando uma possível troca do finlandês, cujo contrato vai até o final de 2015. Apesar de ressaltar o "apoio" da equipe a Raikkonen neste momento difícil, Mattiacci admitiu que ele "pode fazer melhor" do que tem feito na atual temporada. "Ele é um piloto profissional, que já foi campeão mundial com a Ferrari. Ele está motivado, sabe onde precisa melhorar", avaliou o dirigente. "Ele vê Fernando na sua frente, sabe que é um momento difícil, mas estamos todos juntos nisso." Depois de ficar as duas últimas etapas sem pontuar (Inglaterra e Alemanha) - seu melhor resultado até agora na temporada foi uma sétima colocação, conseguida na Austrália e na Espanha -, Raikkonen tem a chance de recuperação já no próximo domingo, quando acontece o GP da Hungria, em Budapeste.

Leia tudo sobre: Fórmula 1RaikkonenFinlândiaF-1